4º Segredo

Uma mudança de postura ajuda com os sintomas da ansiedade?

Assista ao vídeo e faça uma reflexão sobre as posturas que devem mudar na sua rotina

Chegamos ao quarto segredo. Ele nos convidará a posturas muito objetivas na forma como enfrentamos nossas tensões, levando-nos a uma abordagem mais sapiente das causas que em nós geram a ansiedade. Sua aplicabilidade consistirá na simples e decidida atitude de sabermos mudar o foco.

Uma coisa é fato: o mundo não vai andar mais rápido por causa dos ansiosos. Algumas coisas podemos até apressar, mas a dinâmica natural de quase todas as realidades possui um ciclo específico que não se pode alterar; e diante disso, precisamos nos render paulatinamente.

Aprender a ter paciência

Tudo – na vida humana e na natureza – possui o seu ciclo e o seu tempo, e a isso será preciso sempre reconhecer. Não nos resta outra saída: precisamos aprender a lidar com nossa ansiedade, desenvolvendo uma feliz estratégia que nos permita não sermos consumidos pela agitação. Ao contrário, viveremos sempre inquietos e infelizes, e seremos negativamente afetados em nosso comportamento e na maneira como nos relacionamos com as pessoas.

Em seu exercício diário, você precisará se empenhar para, verdadeiramente, viver o exercício e se desligar do restante. Se possível, não leve o celular para a caminhada ou para a academia. E caso ele seja mesmo necessário em algo para auxiliar no próprio treino (através de um aplicativo, por exemplo), procure utilizá-lo no modo avião. Esse momento de atividade precisa ser um espaço no qual você possa mudar o foco, vendo outras coisas e pessoas, gastando sua energia excedente, tendo um encontro com você mesmo e deixando sua mente descansar.

Leia mais:
.: Os desafios de quem sofre com os sintomas da ansiedade
.: Assista ao segundo episódio da série sobre a ansiedade
.: Superando e vencendo cada processo da ansiedade
.: Quais atitudes podemos mudar para neutralizar a ansiedade?

Existem várias formas de mudar o foco: exercícios físicos, um bom livro, um passeio com os amigos, uma viagem, mudar o próprio cronograma diário, conhecer outras pessoas e, sobretudo, ajudar alguém.

5º Episódio

Concluo este quarto segredo apresentando-lhe, mais uma vez, essa sincera indagação: em que você precisa, hoje, realmente mudar o foco? E como essa mudança pode e deve acontecer?

Torço e rezo para que você assista a este vídeo e comece a dar os passos necessários para essas mudanças serem implementadas; e que elas não permaneçam apenas em sua mente, mas que se tornem concretas atitudes a partir deste momento.


Padre Adriano Zandoná

Padre Adriano Zandoná é missionário da Comunidade Canção Nova. Formado em Filosofia e Teologia, tem quatro livros publicados pela Editora Canção Nova e participação em dois CDs de oração e apresenta o programa “Pra ser Feliz”na TV Canção Nova.

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.