Fique atento

Quais são os sintomas, tratamentos e causas da hipertensão?

Confira algumas dicas para prevenir a hipertensão

O canal de Formação do cancaonova.com entrevistou o cardiologista Dr. Rodrigo Caldas Hoelz sobre os mitos e verdade que envolvem a pressão arterial. Além de trazer as principais causas, sintomas e dicas sobre hipertensão.

Quais os sintomas, tratamentos e causas da hipertensãoFoto: Daniel Mafra/cancaonova.com

O que é hipertensão?

Hipertensão arterial é uma doença crônica determinada por elevados níveis de pressão nas artérias, o que faz com que o coração tenha de exercer um esforço maior do que o necessário para fazer circular o sangue pelos dos vasos sanguíneos. A pressão sanguínea envolve duas medidas, sistólica e diastólica, referentes ao período em que o músculo cardíaco está contraído (sistólica) ou relaxado (diastólica). Hipertensão, usualmente chamada de pressão alta, é ter a pressão arterial, sistematicamente, igual ou maior que 14 por 9.

Quais os estágios da hipertensão?

hipertensao

Os fatores de risco

Estresse, obesidade, sedentarismo, história familiar direta de hipertensão, dieta rica em sódio e gorduras, ingestão exagerada de álcool e tabagismo.

Identificar a hipertensão

A hipertensão é, na maioria dos casos, uma doença silenciosa. Por isso, a melhor forma de diagnosticar a doença, no seu início, é frequentar seu médico regularmente.

Qual especialidade médica procurar e como é feito o diagnóstico?

Muitas especialidades tratam a hipertensão, sobretudo em seus estágios iniciais, mas o ideal é procurar um cardiologista. O diagnóstico é feito por um exame clínico detalhado, além de uma monitorização da pressão por um tempo, a fim de verificar como ela está se comportando. Por vezes, o médico pode lançar mão de exames complementares como a M.A.P.A. e o Teste Ergométrico.

Tratamentos e cuidados

As terapias medicamentosas são de diversos tipos. O tratamento é individualizado, pois nem sempre a medicação que funciona bem para um paciente, funciona bem em outro. Quanto mais cedo se diagnostica, menos medicações são necessárias. Muitas vezes, temos de lançar mão de associações de medicamentos para alcançar a estabilidade da pressão. É importante as pessoas saberem que, uma vez instalada, a hipertensão arterial não tem cura. O tratamento é para vida toda, por isso a medicação nunca deve ser diminuída ou retirada sem a orientação do médico.

Prevenções

– Aferir a pressão pelo menos uma vez por ano;
– Praticar atividades físicas todos os dias;
– Manter o peso ideal, evitando a obesidade;
– Adotar alimentação saudável: pouco sal, sem frituras, mais frutas, verduras e legumes;
– Reduzir o consumo de álcool. Se possível, não beber;
– Abandonar o cigarro;
– Evitar o estresse. Ter tempo para a família, os amigos e o lazer.

Quais os valores normais de pressão arterial de acordo com a idade?

Não existe valor ideal por idade para identificar a pressão arterial. É considerada pressão alta quando ela está acima de 14X9.

Leia mais:
.: Uma alimentação saudável previne a hipertensão arterial
.: Entenda a diferença entre exercício e atividade física
.: Fatores de risco para o coração
.: Boa alimentação, o segredo para uma vida saudável

Mitos e verdades sobre a hipertensão

– Só idosos tem hipertensão?

Pressão alta é uma doença “democrática”. Ataca homens e mulheres, brancos e negros, ricos e pobres, idosos e crianças, gordos e magros, pessoas calmas e nervosas.

– Se a minha pressão é normal, não tenho hipertensão?

Somente a avaliação médica e uma monitorização da pressão por um tempo pode dizer se há hipertensão ou não.

– O estresse causa o aumento da pressão?

O estresse é um dos fatores de risco para hipertensão arterial.

– Tomar café aumenta a pressão?

O café induz pequena elevação da pressão em indivíduos que têm o hábito de consumir essa bebida. Estudos sugerem que o café pode ser consumido, desde que em quantidades moderadas. Em geral, considera-se que a ingestão de duas a três xícaras por dia seja segura, sem efeitos adversos para indivíduos saudáveis.

– Controlar o sal nos alimentos é importante para a luta contra a hipertensão?

Fundamental. A quantidade de sal recomendada para o consumo diário é de menos de 5g por dia, segundo a OMS. Para indivíduos hipertensos, o ideal são menos do que 3g. Sugere-se que as pessoas percam o hábito de ter o saleiro sempre à mesa e comecem a substituir o sal por temperos naturais, como cebola, alho, salsinha, cebolinha, orégano, hortelã, limão, manjericão, coentro, cominho entre outros.

– A pressão alta pode afetar os olhos, os rins e causar demência?

A pressão alta ataca os vasos, o coração, os rins e o cérebro. Os vasos são recobertos internamente por uma camada muito fina e delicada, que é machucada quando o sangue está circulando com pressão elevada. Com isso, os vasos se tornam endurecidos e estreitados, podendo, com o passar dos anos, entupir ou romper.

Quando o entupimento de um vaso acontece no coração, causa a angina, que pode ocasionar um infarto. No cérebro, o entupimento ou rompimento de um vaso leva ao derrame cerebral ou AVC. Nos rins, podem ocorrer alterações na filtração até a paralisação dos órgãos. Todas essas situações são muito graves e podem ser evitadas com o tratamento adequado, bem conduzido por médicos.

Cuide de sua saúde!

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.