Reflexão

Luz da Fé: A pedagogia de Deus nos faz esperar

A pedagogia de Deus nos ensina a esperar

Neste programa “Luz da Fé”, quero refletir com você sobre o número 53 do Catecismo da Igreja Católica, o qual ensina o seguinte:

Foto ilustrativa: Wesley Almeida / cancaonova.com

53. O projeto divino da Revelação realiza-se ao mesmo tempo “por ações e por palavras, intimamente ligadas entre si, e que se iluminam mutuamente”. Esse projeto comporta uma “pedagogia divina” peculiar: Deus se comunica gradualmente com o homem, prepara-o por etapas a acolher a Revelação sobrenatural, que faz de si mesmo e vai culminar na Pessoa e na missão do Verbo Encarnado, Jesus Cristo.

S. Irineu de Lião fala, repetidas vezes, dessa pedagogia divina sob a imagem da familiaridade mútua entre Deus e o homem: “O Verbo de Deus habitou no homem e fez-se Filho do homem para acostumar o homem a apreender a Deus e acostumar Deus a habitar no homem, segundo o beneplácito do Pai”.

Ao ler esse trecho do Catecismo, chamou-me muito a atenção o que está escrito a respeito desse projeto divino da Revelação, ao afirmar que esse projeto comporta uma pedagogia divina. Por duas vezes, repete-se essa expressão: pedagogia divina.

O que é pedagogia? É uma forma de ensinar, de explicar as coisas. Essa pedagogia divina, portanto, o jeito de Deus nos ensinar, o Catecismo afirma que é um jeito peculiar, ou seja, é só do jeito do Senhor.

Como Deus nos ensina as coisas? O Catecismo da Igreja nos explica que Ele se comunica gradualmente com o homem, preparando-o por etapas.

Deus não revela tudo de uma vez

Diante disso, eu me recordo de que, há mais de 30 anos – portanto, há bastante tempo –, eu tive o meu encontro pessoal com Jesus. Naquela época, eu tinha entre 15 e 16 anos. Recordo-me do quanto eu fui impactado por aquelas palavras que saíram dos lábios do Cônego Paulo Horneaux de Moura – hoje na eternidade – quando, na fila da comunhão, segurou a hóstia consagrada e me apresentou Jesus dizendo: “Esse é o Jesus que precisa de você! Entre para o Grupo de Jovens”. Aquela frase mudou a minha vida! “Jesus precisa de mim?”, fiquei pensando na hora.

Veja: eu era um adolescente naquela época; e Jesus disse que precisava de mim, mas não me revelou o que aconteceria comigo em seguida. Tudo foi se revelando de forma gradual. Hoje, sou missionário na Comunidade Canção Nova, há 21 anos; sou casado e pai de dois filhos. O Senhor, no entanto, não revelou tudo isso a mim naquela hora do meu encontro pessoal com Ele.

Deus não trabalha desse jeito. Ele não revela tudo de uma vez, mas o faz de forma gradual. Por isso, precisamos compreender a pedagogia divina em nossa vida e entender que o Senhor não vai trazer para nós tudo de uma só vez. Então, por que essa pressa? Vale a pena esperar! A pedagogia de Deus nos ensina a esperar. Ele revela Seus propósitos para nós gradualmente, Ele nos prepara por etapas.

Leia mais:
.: Luz da Fé: Quem tem Jesus tem tudo
.: Luz da Fé: é preciso evangelizar
.: Luz da Fé: Deus quer o meu bem

Às vezes, queremos conhecer tudo! E esse ritmo frenético no qual vivemos, em que tudo “é para ontem”, todo mundo apressado, ninguém suporta ficar parado num engarrafamento, acabamos levando também para nossa relação com Deus, acreditando que Ele precisa nos atender agora, imediatamente, pois não podemos mais esperar.

Daí, o Senhor nos diz: “Não! Comigo não! Não é assim que funciona. A minha pedagogia é peculiar, e através dela eu lhe ensino a esperar“. Então, espere no Senhor, meu irmão! O que você não entende, hoje, o que você não compreende agora, amanhã você compreenderá. Deixe o tempo passar! Deus vai explicando a você etapa por etapa. E “lá na frente” você, finalmente, compreenderá por que vive isso agora.

Confie em Deus, pois Ele tem o melhor para sua vida. Vale a pena confiar! Vale a pena acreditar! Vale a pena também esperar.

Um forte abraço!

Assista ao programa:


Alexandre Oliveira

Membro da Comunidade Canção Nova, desde 1997, Alexandre é natural da cidade de Santos (SP). Casado, ele é pai de dois filhos. O missionário também é pregador, apresentador e produtor de conteúdo no canal ‘Formação’ do Portal Canção Nova.

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.