Carinho

O valor dos pequenos gestos

Abraçar, sorrir e acolher o outro são gestos que nunca devem acabar, ao contrário, devem ser cativados, vividos e experimentados por todos. Além de sabermos que um abraço, um sorriso e o acolhimento podem curar, libertar e transformar as pessoas, quando nos expressamos dessa forma, nos faz bem ver e sentir a alegria no rosto do outro.

O valor dos pequenos gestos

Foto ilustrativa: Wesley Almeida/cancaonova.com

Você já fez esses gestos hoje?

Faça-o e descubra o que os pequenos gestos, por mais simples que sejam, podem fazer na sua vida e na dos demais. Não se esqueça que o amor se faz e acontece a partir dos pequenos gestos. Todos nós temos necessidade de manifestações concretas do amor, como também, de atitudes concretas das pessoas.

Leia mais:
::Síndrome do pensamento acelerado, o que é?
::Por que sou eu quem precisa mudar e ser melhor?
::Bateu aquela tristeza?
::Será que os meus sentimentos são reais?

Veja bem: não espere o outro fazer primeiro essas demonstrações afetivas, seja você a fazê-las primeiro. Ame primeiro, abrace primeiro, acolha primeiro, sorria primeiro! E faça da alegria do outro também a sua. Dessa forma, você estará tocando no mais concreto e verdadeiro dos sentimentos, aquele que tanto necessitamos e chamamos de amor.

Pense nisso com carinho! E antes que termine o dia: ame, sorria, acolha…

comentários