Senhor do Tempo

Deus nunca desiste de você

Este é o tempo privilegiado, em que Deus está de braços abertos esperando por você

Certa vez, li um artigo em que o fundador da Canção Nova, monsenhor Jonas Abib, escreveu para uma revista: “Na parábola do filho pródigo, a personagem mais importante não é o filho desnaturado que acaba extorquindo da herança a parte que lhe cabe, que sai pelo mundo vivendo desregradamente e retorna para casa em farrapos, sem mais nada; além da vergonha e do fracasso. Não! Tudo isso aconteceu, porém, a personagem principal é o pai. Este, cheio de misericórdia, sempre esperou o filho de volta. O pai que, com toda esperança, tinha no coração uma certeza: Mais dia, menos dia, meu filho vai voltar! Se eu não consegui segurá-lo pelo amor, eu vou resgatá-lo pela dor. Ele vai voltar!” E acrescentou: “Este é o tempo privilegiado em que Deus está de braços abertos esperando cada um de seus filhos”.

Quanto tempo Deus esperou por você? Ou há quanto tempo Ele o está esperando? Eu posso dizer de mim: foram muitos anos que Ele me esperou!

Foto: Wesley Almeida/cancaonova.com

Testemunho

Com dor no coração, testemunho que vivi muitos anos longe de Deus. Passei grande parte da minha juventude fugindo do compromisso com Ele, buscando o amor onde não havia, iludida com uma vida que não traz vida, mas que leva à tristeza e ao profundo vazio. Porém, apesar da minha pobreza e das minhas misérias, a grande vitória em minha vida foi essa: Deus não desistiu de mim. Ele me esperou! Graças a Ele, um dia, eu tive a maior oportunidade da minha vida: encontrar-me com Jesus e querer conhecê-Lo mais e mais.

Às vezes, fico pensando que Deus poderia ter desistido de mim. Acho que Ele poderia sim, teria todo o direito se quisesse, porque, muitas vezes, eu fugi d’Ele. No entanto, Ele nunca desiste de ninguém, então, não desistiu de mim! Com a sua infinita misericórdia, Ele não só me esperou, mas também me atraiu e mostrou-me o verdadeiro amor. E como eu precisava desse amor, desse encontro, desse momento que se eterniza a cada dia em minha vida! Jesus me perdoou, acolheu-me, deu-me vestes novas, colocou em meu dedo um anel e sandálias em meus pés.

Leia mais:
:: Como manter a confiança diante das dificuldades
:: O que é ter fé e também ser uma de pessoa de fé?
:: Nestes tempos difíceis, Francisco propõe a terapia da esperança
:: Reflexão: onde buscar forças para vencer as tribulações?

Deus é o Senhor do tempo

Será que, depois de eu ter vivido tanto tempo distante de Deus e extorquido Seu precioso tempo, agora, não posso esperar que a vontade d’Ele aconteça em minha vida a seu tempo? Eu não tenho o direito de querer atropelar o tempo de Deus em minha vida. Ele é o Senhor do tempo.

Preciso permitir que Ele continue me restaurando, curando-me e formando-me, para que, no momento certo, eu possa tomar posse das grandes surpresas que Ele reserva para mim. É trilhando esse caminho da santidade que Ele vai respondendo aos nossos anseios; é nesse caminho que vamos encontrando as pérolas mais preciosas. Não percamos mais tempo. Voltemos para o Senhor!

“Este é o tempo privilegiado, em que o Pai está de braços abertos esperando por você.” (Monsenhor Jonas Abib)

Marlúcia Carvalho
Comunidade Canção Nova

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.