Reflexão

Luz da Fé: Rejuvenesça

Vamos deixar que o Espírito Santo nos rejuvenesça

Neste programa ‘Luz da Fé’, quero refletir com você sobre o número 175 do Catecismo da Igreja Católica, que nos ensina o seguinte:

175. “Esta fé que recebemos da Igreja, nós a guardamos com cuidado, pois sem cessar, sob a ação do Espírito de Deus, à guisa de um depósito de grande preço encerrado em um vaso precioso, ela rejuvenesce e faz rejuvenescer o próprio vaso que a contém.”

Foto ilustrativa: Jorge Ribeiro / cancaonova.com

Esse é um ensinamento de Santo Irineu. A Igreja nos traz, nessa citação do Catecismo, a “receita da juventude” ao afirmar que “à guisa de um depósito de grande preço encerrado em um vaso precioso, ela rejuvenesce e faz rejuvenescer o próprio vaso que a contém.”

A família das idades congeladas

Você já ouviu falar da “família das idades congeladas”? Trata-se de uma família tailandesa, cujas três filhas do casal têm 41, 40 e 36 anos de idade. Quando olhamos para as fotos dessas “quarentonas” ficamos tomados de surpresa, pois elas possuem um rosto extremamente jovem.

Quando uma delas foi entrevistada sobre o segredo de como se ter uma face tão jovial, eis a surpreendente resposta: há dez anos que ela toma de 350 ml a 500 ml de água morna a cada manhã.

Veja só que interessante, pois o Catecismo da Igreja nos ensina algo parecido. Para sermos rejuvenescidos – muito mais do que tomar água morna – devemos beber da água viva que é o Espírito Santo.

Essa fé que recebemos da Igreja a gente guarda como sendo algo muito precioso. E fazemos isso sob a ação do Espírito Santo, ou seja, sob o efeito dessa água que não é morna, mas sim Água da Vida. E a partir disso, acontece um duplo rejuvenescimento: o Espírito rejuvenesce aqueles que estão ao nosso redor e nos rejuvenesce também.

Leia mais:
.: Luz da Fé: A Igreja é nossa mãe
.: Luz da Fé: Deixe-se carregar pela fé dos irmãos
.: Luz da Fé: De que me serve viver bem?

O apóstolo Paulo vai nos ensinar a esse respeito que, “se alguém está em Cristo, é criatura nova. O que era antigo passou, agora tudo é novo” (II Cor 5,17).  Aprendemos com isso que o Senhor é capaz de rejuvenescer as realidades à nossa volta, bem como o nosso interior, a partir do momento em que nos decidimos a viver cheios do Espírito Santo. O pecado envelhece, a graça de Deus rejuvenesce! Vamos hoje deixar que o Espírito Santo nos rejuvenesça.

O voo da águia

Conta-se que entre as aves, a águia é a que vive mais, cerca de setenta anos. Mas para atingir essa idade, aos quarenta ela deve tomar uma difícil decisão: nascer de novo.

Aos 40 anos, as suas unhas das águias ficam compridas e flexíveis, dificultando agarrar as presas com as quais se alimenta. O bico alongado e pontiagudo se curva. As asas, envelhecidas e pesadas, dobram-se sobre o peito, impedindo-a de empreender voos ágeis e velozes.

Restam à águia duas alternativas: morrer ou passar por uma dura prova, ao longo de 150 dias. Esta prova consiste em voar para o cume de uma montanha e abrigar-se num ninho cravado na pedra. Ali, ela bate o bico contra a pedra, até quebrá-lo. Espera, então, crescer o novo bico, para poder arrancar as suas unhas.

Quando as novas unhas despontam, a águia puxa as velhas penas e, após cinco meses, crescidas as novas, ela atira-se renovada ao voo, pronta para viver mais trinta anos.

No caso da águia, esse “voo de rejuvenescimento” só é possível após um processo de dor. Muitas vezes, para nós também, o rejuvenescimento virá após um período de dores. Mas saiba que isso é necessário! Pergunto a você: está disposto a encarar tal realidade, assim como a águia faz? Se a sua resposta for ‘sim’, então, venha para a Igreja, abra-se à ação do Espírito de Deus e permita que Ele liberte seu interior de tudo aquilo que é antigo e faça novas todas as coisas na sua vida.

Um forte abraço!

Assista ao programa:


Alexandre Oliveira

Membro da Comunidade Canção Nova, desde 1997, Alexandre é natural da cidade de Santos (SP). Casado, ele é pai de dois filhos. O missionário também é pregador, apresentador e produtor de conteúdo no canal ‘Formação’ do Portal Canção Nova.

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.