Luz da Fé

Em Deus confio e nada temo

O Catecismo da Igreja Católica, nos números 571 a 573, introduz o trecho da profissão da fé cristã que cita o seguinte: “Jesus Cristo padeceu sob Pôncio Pilatos, foi crucificado, morto e sepultado”.

Assista ao programa:

O mistério pascal da Cruz e da Ressurreição de Cristo está no centro da Boa-Nova que os apóstolos e a Igreja, na esteira deles, devem anunciar ao mundo. O projeto salvador de Deus realizou-se “uma vez por todas” (Hb 9,26) pela morte redentora de seu Filho, Jesus Cristo.

“Eis o Deus que me salva, eu confio e nada temo!”

Veja só: o Catecismo da Igreja afirma para nós que a Boa-Nova, ou seja, a boa notícia do Evangelho, possui sua centralidade no mistério pascal da Cruz e da Ressurreição de Cristo. Jesus morreu para nossa salvação e ressuscitou para nossa justificação. Eis o centro da Boa-Nova!

E como estamos no mês de setembro, Mês da Bíblia, também somos impulsionados a orar com a Palavra de Deus. Vamos rezar com a Sagrada Escritura, a partir disso que nos ensina o Catecismo da Igreja a respeito desse projeto salvador de Deus. Rezando com a Bíblia, assuma com alegria essa graça única da salvação em Jesus Cristo.

Foto ilustrativa: Wesley Almeida / cancaonova.com

Com o profeta Isaías, que viveu 700 anos antes de Cristo, ore e proclame: “Eis o Deus que me salva, eu confio e nada temo! O Senhor é minha força e meu alegre canto. O Senhor é a minha salvação. Com alegria tirareis água nas fontes da salvação” (Is 12,2-3).

Veja mais:
.: Com a Cruz de Cristo, você vencerá o mal
.: Nosso Deus é o Deus dos milagres
.: Como ter acesso ao Reino de Deus

Convido você a proclamar, ao longo desse dia e semana, esta linda verdade de fé: “Eis o Deus que me salva, eu confio e nada temo!”. E você verá o seu coração se encher de renovada esperança.

Um forte abraço!


Alexandre Oliveira

Membro da Comunidade Canção Nova, desde 1997, Alexandre é natural da cidade de Santos (SP). Casado, ele é pai de dois filhos. O missionário também é pregador, apresentador e produtor de conteúdo no canal ‘Formação’ do Portal Canção Nova.

comentários