Tenho Sede de Deus

No tempo de Jesus, a vida era difícil. Como você deve saber, não havia água encanada, luz elétrica, transporte fácil, supermercados, enfim, a vida não tinha todas essas comodidades que, no dia de hoje, a gente tem o costume de chamar “essenciais”.

Para fazer um percurso de uma cidade a outra, durava-se quase um dia inteiro. Por exemplo, se eu aqui em Cachoeira Paulista resolvesse visitar Aparecida do Norte, voltando a pé, levaria em torno de oito horas, se caminhasse em passos largos; isso só na ida. Hoje, de carro, eu levo meia hora, pra ir e meia hora pra voltar…
Então, pense comigo: aquela multidão que seguia Jesus era muito disposta. Bastava saber onde Jesus se encontrava e eles deixavam tudo para sair de um lugar para outro atrás Dele.

E são diversas as passagens na Bíblia, onde encontramos gente que saía atrás de Jesus sem eira nem beira, tendo, inclusive, em determinadas situações, Jesus se compadecido desse povo, pois eram como ovelhas sem pastor. Logo que sabiam que Jesus estava ali, eles corriam para ouvir Suas palavras, para pedir-Lhe um milagre e para aquecer o coração com os ensinamentos e os preceitos que o Mestre lhes dava.
Foi assim no Sermão da montanha, foi assim que aconteceu o milagre da multiplicação dos pães, logo após a cura da sogra de Pedro, onde ele teve que despedir a multidão… Foi junto para se despedir da multidão que Ele entrou numa barca onde posteriormente ele teve que acalmar as tempestades…

Quando eles estavam com o Mestre não tinham fome, nem sede. Se preciso fosse, dormiam ao relento. Para estar com o Mestre não havia um obstáculo. Tudo era resolvível para eles.

Hoje, não precisamos andar léguas para ver Jesus, pois Ele está vivo no meio de vós. Antigamente, para vê-Lo, as pessoas sofriam, se gastavam, mas hoje, Jesus está em muitas capelas espalhadas pelo mundo. No entanto, são poucos os que buscam ouvir Suas Palavras, pedir-Lhe curas e milagres, escutar os Seus conselhos.

Você tem ido à capela próxima da sua casa? Lá está o mesmo Jesus que andava por Jerusalém… É só dar uma chegadinha lá! Ele vai estar o esperando. Quer falar ao seu coração, igual como Ele falava para aquele povo. Quer curar você do mesmo jeito que Ele curava enquanto caminhava no meio daquelas multidões.

Mas ainda assim, talvez você não tenha uma capela tão perto de você, ou talvez a capela próxima da sua casa passe boa parte do tempo fechada. Mas lembre-se, Ele está no meio de nós! Pegue a Bíblia, leia, medite a Palavra. Jesus igualmente se manifesta. Eleve o seu coração pela força de uma oração. Fale com Deus. Ele o entende. Vamos, tente…

Que Jesus possa lhe dar essa “sede” que o povo daquele tempo tinha por Sua palavra. Peça; diga:

– Jesus, fonte de água viva, dá-me a graça de ter a sede da tua Palavra. Retira de mim todo o comodismo. Eu quero te buscar a todo custo, Jesus! Dá-me essa sede de te buscar. Eu quero ser forte, como aquele povo era, quando o assunto era estar contigo. Aquele povo era assim também Senhor! Dá-me a graça de ser firme e perseverante na busca pela tua presença e santidade! Amém.

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.