São Bento, Pregador - Retorno ao Mundo

São Bento só sairia de seu isolamento por intervenção divina; Deus apareceu em visão à um sacerdote que vivia bem distante de lá e que havia preparado para si uma boa refeição para a festa da Páscoa, e lhe disse: ‘Tu preparas delícias para ti mesmo, enquanto o meu servo passa fome em tal lugar’. Imediatamente, o sacerdote partiu em busca do homem de Deus, ao lugar referido, através das montanhas, vales e buracos daquelas terras, levando consigo a refeição da Páscoa. Encontrou São Bento em sua cova, rezou, bendisse a Deus e os dois se alimentaram e celebraram a Páscoa.
Após o encontro, o sacerdote retornou a sua igreja e São Bento começou a fazer seu apostolado com os pastores e habitantes da redondeza, que lhe davam o que comer em troca do alimento espiritual que recebiam em seus corações.

Aconteceu lhe então a tentação carnal mais violenta que ele havia sentido e de certa forma a última. Veio a sua imaginação a memória de uma certa mulher que ele havia conhecido que se apresentava agora viva à seus olhos inflamando o com sua beleza e enchendo seu coração de paixão.

Pensou o santo em abandonar o deserto quando venceu a tentação se lançando nu em um matagal de espinhos e urtigas, fato este que marcaria sua regra, tanto na repreensão aos monges com varadas e outros castigos corporais quanto no aspecto militar da Ordem de São Bento; todos estamos sujeitos às tentações ou, até melhor, ela é extremamente necessária a evolução espiritual e São bento propunha uma luta direta e uma disciplina militar contra ela, as vezes, radicalmente, contra a nossa própria natureza.

O nome de São Bento tornou-se famoso por sua vida santa e por isso foi convidado por monges de um mosteiro das redondezas, o qual, o abade havia morrido. Negou por muito tempo avisando que seu modo de proceder não se ajustaria ao daqueles irmãos mas cedendo impôs no mosteiro a observância da vida regular.

Os irmãos, depois, se irritaram com tanta severidade, e resolveram assassina-lo colocando veneno em seu vinho, mas à benção com o sinal da cruz a taça quebrou e São Bento percebeu que havia ali bebida de morte pois não suportou o sinal da vida.

Fonte: http://www.opaodavida.hpg.ig.com.br

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.