Namoro Cristão

Com que idade se pode namorar? A Bíblia não especifica uma idade, mas claramente existe uma distinção entre agir ‘como menino’ (1 Co 13.11) e se portar como adulto.

Não é a idade cronológica que irá definir a sua capacidade de assumir um compromisso, mas a sua idade mental, a sua maturidade. Há jovens de vinte anos que se comportam como se tivessem quatorze ou quinze – são imaturos. As meninas costumam amadurecer mais cedo, enquanto os rapazes demoram um pouco mais. Assim antes de pedir alguém em namoro ou aceitar uma proposta, pondere sobre o assunto e só vá em frente se tiver certeza de sua maturidade.

Quanto à idade, outros fatores também devem ser considerados: a determinação dos pais e as normas das igrejas.Mas, caso se sinta maduro para o namoro bem como o seu par, você pode dialogar com seus pais.

O consentimento dos Pais

Alguns pais exigem que o rapaz antes de namorar a filha, venha pedir a eles o consentimento para o namoro. Não interprete essa atitude como um ato de despotismo ou de indelicadeza. Ao contrário, os pais têm todo o direito de saber quem a filha irá namorar. É um gesto bonito apresentar-se a eles e revelar as intenções que você tem quanto ao futuro – sendo você um cristão, elas só podem ser boas. Há pais que não fazem esse tipo de exigência, mas não deixe que eles saibam pela boca de outros que você está namorando.

Quando os pais do rapaz ou da moça – ou de ambos- reprovam um namoro, procure descobrir a causa da aversão. Se houver alguma questão grave envolvida, o namoro em princípio não deve continuar. Se existe verdadeiro amor entre vocês e se ambos estão na vontade de Deus, dêem-se um tempo para orar.

Não provoquem os seus pais, porque essa atitude não terá a aprovação de Deus. Esaú, irado por Ter perdido a benção da primogenitura, casou-se com mulheres de uma nação que os pais detestavam, só para provocá-los. E elas ‘foram para Isaque e Rebeca uma amargura de espírito'(Gn 26.35). Não tente imitar Esaú. Busque a solução em Deus. Ele não deixará dois servos fiéis sem resposta.

O namoro cristão não pode seguir padrões mundanos, mas deve ser orientado pelas Escrituras. A partir do momento em que você tiver maturidade para assumir um compromisso, procure alguém que tenha primeiramente um compromisso com Deus, sem esquecer que esse namoro deve ser regido pelas normas da família e da igreja, mas acima de tudo pelos preceitos imutáveis da Palavra de Deus.

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.