Livre pela cura interior

Imagine uma pessoa que está presa a muitos fios. É claro que ela não vai ser totalmente livre! Assim são os nossos traumas! Eles nos prendem, não deixam que nos tornemos totalmente livres para ser aquilo que verdadeiramente somos. Esses traumas vão se formando desde o ventre da nossa mãe e também, com o decorrer da nossa vida.

Quando estamos no ventre da nossa mãe, nós absorvemos tudo aquilo que ela vive durante a gestação: as suas palavras, os seus sentimentos… Tudo nós absorvemos e, todas essas coisas ficam gravadas em nosso inconsciente. Ao longo de nossa vida, se entrarmos em um processo de cura interior, vamos poder perceber o quanto essas coisas nos marcaram e o quanto elas exercem influência em nossa vida, em nossa condição atual, em nossa personalidade.

Certa vez ouvi uma história que me chamou muito a atenção: Uma mulher estava grávida e fez um “voto íntimo” de não mais engravidar, por causa das complicações que ela estava passando em sua gravidez. O tempo passou e esta mulher deu à luz. A criança nasceu, cresceu, se tornou adulta e se casou, porém não conseguia engravidar. Passou por muitos médicos e, nada! Decidiu, então, buscar alguém para rezar pela sua cura interior. Durante a oração, o Senhor revelou que ela não conseguia engravidar devido aquele “voto íntimo” que sua mãe, há muitos anos, tinha feito. O Senhor curou aquela moça e logo depois ela engravidou.

Eu comparo este caminho de cura interior a uma estrada cheia de obstáculos. A cura interior vai retirando todos estes obstáculos até que a estrada esteja totalmente livre.

Algo que nos ajuda a viabilizar aquilo, que em nós precisa ser curado, é a história de nossa salvação pessoal! O que é a história de salvação? É a sua História! Você deve escrevê-la por completo, desde os seus avós até a idade com a qual você se encontra hoje. Escreva detalhadamente tudo o que viveu, daí, a partir da sua história escrita, você vai começar a dar os passos seguintes.

Passos fundamentais para cura interior:

1º Passo: Não ter medo de se deparar com a sua história. Por pior que seja, ela é a sua verdade.

2º Passo: Perdoar-se e perdoar aqueles que, de alguma maneira, marcaram a sua vida. O perdão é indispensável! Se você não abrir as portas do seu coração o Senhor não vai poder entrar para fazer a Obra!

3º Passo: Fazer oração pela sua cura interior, rezar desde o momento da gestação até a sua condição atual.

Sempre que for rezar por sua cura interior, não se esqueça de invocar sobre você, primeiramente, a presença do Divino Espírito Santo. Peça a Ele que caminhe consigo na sua história; peça a Ele que o ilumine, a fim de que você possa ir a fundo em todas as situações que já tenha vivido. Sem o Espírito Santo é impossível chegarmos à cura total, pois só Ele nos conhece e nos sonda profundamente! Só Ele, através da cura, pode nos levar à total liberdade!

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.