Felicidade

A felicidade está ao nosso alcance. Temos tudo para construí-la.

Ela está dentro de nós e não depende das coisas que existem ao nosso redor. A angústia pelo passado e o temor diante do futuro impedem a felicidade do momento presente. Recordar as tristezas passadas é prolongar o sofrimento; temer o futuro é sofrer por antecipação.

O passado é sempre fonte de alegria, tenha sido ele bom ou mau, negativo ou positivo. Se houve erros, vamos agradecer a Deus com alegria o perdão recebido. Se o passado foi bom, maior ainda a obrigação de agradecer a Deus e de alegrar-se pelos dons que nos foram concedidos.

Viver bem o momento presente é a melhor forma de preparar a chegada do futuro. A ansiosa preocupação com o futuro prevê males que jamais acontecerão.

Aprendi da experiência da vida a lição que não quis aprender do Evangelho. Quantas vezes li e ouvi: ‘Não vos preocupeis com o dia de amanhã… O amanhã trará seu próprio sofrimento… A cada dia basta sua própria cruz …’.

Preocupei-me com tantos problemas que nunca se tornaram realidade…

A tristeza pelo passado e o medo diante do futuro tornaram-se uma cruz. Não temos forças para carregar três cruzes: a do passado, a do presente e a do futuro. Só temos forças e energias para carregar a cruz do momento presente. Concentrando toda a atenção, forças e energias sobre a atividade que estivermos exercendo no momento presente, a obra será executada com mais eficiência e com menor espaço de tempo, além de sair mais perfeita.

Por mais que lamentemos o passado, ele jamais voltará; por mais que nos preocupemos com o futuro, ele nunca virá por antecipação.

Viver com alegria o momento presente, ser bem o que somos, colocar um grande amor em tudo que fazemos são condições de êxito da vida.

Fonte: geocities

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.