Faça a diferença...

Era uma vez um escritor que morava em uma tranqüila praia, junto de uma colônia de pescadores. Todas as manhãs ele caminhava à beira do mar para se inspirar, e à tarde ficava em casa escrevendo. Certo dia, caminhando na praia, ele viu um jovem que recolhia estrelas-do-mar da areia, uma por uma, para jogá-las novamente de volta ao oceano.

‘Por que está fazendo isso?’ – perguntou o escritor.

‘Você não vê?’ – explicou o jovem ‘A maré está baixa e o sol está brilhando. Elas irão secar e morrer se ficarem aqui na areia’.

O escritor espantou-se:
‘Meu jovem, existem milhares de quilômetros de praias por este mundo afora, e centenas de milhares de estrelas-do-mar espalhadas pela praia. Que diferença faz? Você joga umas poucas de volta ao oceano. A maioria vai perecer de qualquer forma’.

O jovem pegou mais uma estrela na praia, jogou de volta ao oceano e olhou para o escritor:
‘Para essa aqui eu fiz a diferença…’

Naquela noite o escritor não conseguiu escrever, sequer dormir. Pela manhã, voltou à praia, procurou o jovem, uniu-se a ele e, juntos, começaram a jogar estrelas-do-mar de volta ao oceano.

A contribuição de cada um é importante. Mesmo que pareça pouco, ou até insignificante a sua atitude, ela vai fazer a diferença dentro do Projeto ‘Dai-me Almas’, projeto de Deus.
Tenha hoje mesmo a sua iniciativa, faça hoje mesmo o seu depósito, ou contribua agora mesmo pelo seu boleto.

Faça a diferença na Canção Nova!
Uma pequena iniciativa com certeza vai ser muito importante.

Evangelizar custa o que você pode! O que você não pode é deixar de ajudar.


Paulo Victor e Letícia Dias

Cirurgião-dentista de formação, Paulo Victor foi membro da Comunidade Canção Nova como apresentador, locutor e radialista. Atualmente, ele mora em Campo Grande (MS). É empresário e casado com Letícia Dias.

Letícia Dias é Gerente de Conteúdo e estudante de Letras/Libras com foco na Educação Especial. Foi membro da Comunidade Canção Nova como apresentadora de programas. Hoje, ela mantém uma agitada rotina familiar. Letícia tem um filho caçula que nasceu com Síndrome de Down, e isso a refaz todos os dias.

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.