Deixando Deus agir

A disposição de nosso ser permite a ação do Céu em nossa vida.

As tribulações, lutas, decepções e dissabores da vida sempre são uma bagagem de amarguras para o ser humano que, sem a presença de Deus, enxerga seu caminho como um deserto, um mar de solidão, sem brilho, infeliz.

A falta do Senhor abre o coração à auto-suficiência e destrói o filho de Deus que, por ‘subir em seu orgulho’ e sentir-se muito alto, se faz cacos ao cair despedaçado pelo pecado, pela ambição.

Porém, se mesmo com desconfiança, ele se deixa renovar e estende a mão em busca de ajuda, sua esperança se refaz e seus pés se firmam. O seu “redor” continua como antes (pequeno), mas seus olhos o enxergam de maneira diferente e são capazes de notar a mão de Deus que, por toda a vida esteve presente em seu caminho.

Paulatinamente, sua história é transformada e Deus renova, preenche com vigor o seu físico, sua alma com a alegria do Espírito Santo.

Se há disposição do coração, Ele age e faz tudo novo, cumprindo a palavra que diz:
“Irei caminhando a tua frente montanhas aplanarei, arrombarei portões de bronze e arrebentarei trancas de ferro”. (Isaías 45,2-3)

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.