Cirilo um homem livre ao lado da verdade

Com alegria neste dia (18/03), lembramos a vida de santidade de um grande homem proclamado Doutor da Igreja. São Cirilo nasceu em Jerusalém em 315 no início do tempo de graça, em que a Igreja conquistou com a liberdade religiosa dada por Constantino.

Ordenado sacerdote São Cirilo cuidou com carinho, zelo e amor da preparação de Catecúmenos para o Batismo, assim como se dedicou no magistério, ou seja, ensinamento da Sã Doutrina. Cirilo muito bem formado pronunciava as famosas Catequeses nas igrejas da Ressurreição e do Santo Sepulcro em Jerusalém; tratava com simplicidade, mas com muita profundidade sobre o pecado, penitência, Batismos, Credo e outros pontos essenciais da nossa fé.

Mesmo depois de ser eleito bispo e patriarca de Jerusalém continuou sempre ao lado da verdade e isto de modo pacífico, pois mesmo depois da heresia do arianismo ser condenada em 325 as perturbações continuaram. São Cirilo que morreu em 386 de tal maneira foi atacado pelos adversários da Verdade que num total de dezesseis anos ficou exilado, até voltar e assumir com eficácia a conversão de sua diocese.

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.