Chega!!!

Hoje me senti sobrecarregada.
Tive muitos trabalhos para pôr em dia, problemas para resolver, horários para cumprir, satisfações para dar… Me senti cobrada, pressionada, cansada, humilhada diante de tanta coisa por fazer em apenas 24h do meu dia.

Hoje, se eu pudesse, acionaria o “piloto automático” e o deixaria viver por mim as próximas horas…

Nossa vida, inevitavelmente, é cercada de burocracia. É preciso ter uma conta no banco, é preciso mexer com papéis, ir ao cartório, quitar dívidas, comprar coisas, preencher formulários, prestar contas… Sem querer, vivermos submersos em tantos afazeres que muitas vezes, nos esquecemos de parar um pouco, colocar em dia uma visita a uma pessoa querida, espairecer, apreciar a simplicidade de uma flor, nos alegrar com o sorriso de um amigo.

A rotina havia me deixado insensível. No auge do meu cansaço físico, tive que parar para me distrair um pouco e consegui perceber que eu não sabia o nome de 30% das pessoas que trabalham no meu departamento. Percebi também que eu estava tão ensimesmada, tão voltada para os meus afazeres, que não notei pessoas que passaram por mim durante o dia, não aproveitei oportunidades para fazer novos amigos, desperdicei algumas chances de ser mais humana, menos racional. E me determinei a mudar.

E por todas essas descobertas e conclusões, o dia de hoje acabou sendo mais produtivo e compensatório que os demais da semana.

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.