A minha alma é patrimônio de Deus

Nós somos de Deus‘. A terra da minha alma é patrimônio de Deus. A vinha do Senhor, o patrimônio do Senhor foi invadido por outros, e é preciso que ela seja limpa, para deixarmos que somente Aquele que tira o pecado do mundo reinar e cuidar dessa vinha.

Tornar-se um escravo do Senhor é reinar com Ele. Tornar-se Servo do Senhor é caminhar com Ele. Que essa Eucaristia permita que limpemos esse patrimônio e com seu sangue semeie a vida e a paz, pois é Ele quem tira o pecado do mundo. Nós também precisamos ser como João Batista. Quando temos coragem de abrir a boca e testemunhar estamos proclamando que Ele é o Cordeiro de Deus que tira o pecado do mundo.

Somos diferentes nos temperamentos, no jeito de ser, nas atitudes, mas tornamo-nos iguais por sermos patrimônio de Deus. Há olhos e ouvidos com sede de Deus. O desafio é que as pessoas olhem para nós e dizerem que estão indo em direção ao Cordeiro de Deus.

O Evangelista mostrou João Batista anunciando o Cordeiro de Deus. Mas há o outro lado de sua missão: Ele não só limpa o terreno, mas faz a construção derramando seus dons e batizando com o Espírito Santo. Como percebemos nos tempos de hoje, a Missão de Jesus é de limpar a eira, e logo em seguida constrói.

As novas Comunidades são a Primavera da Igreja. É Deus que vem derramar o Espírito Santo. Na Eucaristia Deus quer derramar o Espírito Santo. Deus nos quer de portas escancaradas para o derramamento do Seu Espírito para sermos setas vivas, pedras vivas para a construção do Seu Reino, e alegres, sem medo, porque Ele venceu o mundo!

Toda a vida do Senhor é mantida pelo Espírito Santo. Deus quer lhe oferecer o derramamento do Espírito Santo. Ele é o Filho de Deus que anunciava e batizava no Espírito Santo!

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.