40 anos do chamado

Padre Jonas: Canção Nova e a história antes do chamado

Padre Jonas e como tudo começou

Eu conheci monsenhor Jonas Abib em 1970, quando participava dos encontros de jovens que ele realizava na Casa de Retiro dos Salesianos, em Campos de Jordão. Depois, ele veio para o Colégio São Joaquim, na cidade de Lorena-SP, em 1971, onde eu morava e, posso dizer que, desde então nunca nos separamos. Em Lorena, ele começou os encontros de Jovens nesse colégio e, nos sábados, à noite, nos reuníamos para celebrar a Missa e para formação. Com a profundidade espiritual do monsenhor Jonas e seu talento para compor e cantar, ele reunia-se com os jovens que trabalhavam nos encontros.

-Padre-Jonas:-Canção-Nova-e-a-história-antes-do-chamado-

Foto: Encontro de jovens promovido pelo padre Jonas, em Areias-SP.

Em 1973, padre Jonas conheceu a Renovação Carismática Católica, em Campinas-SP, com o padre Haroldo Hahn, que a trouxe dos EUA. Renovado no Espírito Santo, pelo Batismo no Espírito, padre Jonas começou a realizar as “Experiências de Oração” na diocese de Lorena-SP e, logo, em outros estados do país. Foi um tempo de graças e de muitos trabalhos. Andávamos por muitos lugares, atendendo os pedidos de muitos.

Com isso, os grupos de oração se multiplicaram em toda a região, e padre Jonas começou, também, o catecumenato em várias cidades da diocese, dando formação aos jovens. Eu pude participar desse trabalho; eram belos encontros de catequese sobre a Igreja, os sacramentos, os mandamentos e a espiritualidade. Com todo esse trabalho, padre Jonas foi formando muitos jovens que, hoje, são adultos atuantes na Igreja.

Leia mais:
::O que fazer para ser membro da Comunidade Canção Nova?
::TV Canção Nova despertando vocações pelo Brasil
::Missionários são chamados para o trabalho evangelizador e social
::O chamado vocacional transcende as fronteiras do país

O começo de toda a obra

Em seguida, padre Jonas conseguiu uma casa na fazenda, em Areias-SP, perto de Cachoeira Paulista-SP, e ali foram realizados dezenas de encontros como: Maranathás, Aprofundamentos e Experiências de Oração com jovens e adultos, que logo se espalharam por muitos lugares. Foram tempos de muitos sacrifícios, porque a estrada para a fazenda era de terra, e no tempo de chuva, muitas vezes, era difícil de lá chegar. A casa não tinha luz elétrica; a água para os banheiros era levada por meio de um velho motor a diesel, que muitas vezes não pegava. Muita gente, de muitas cidades, passou por essa casa abençoada onde a Capela era num pequeno quarto fora da casa. Padre Jonas viajou muito para “pregar” esses encontros em outras cidades.

Em 1978, ele começou a Comunidade Canção Nova, em uma casa em Lorena-SP, com 12 jovens. Em seguida, comprou a pequena Rádio Bandeirantes de Cachoeira Paulista-SP, através da qual pôde e, graças a Deus, ainda pode evangelizar e espalhar o amor de Deus pelo ar. E na atual “Chácara Santa Cruz”, em Cachoeira Paulista-SP, estabeleceu a sede da comunidade Canção Nova. Assim tudo começou!


Felipe Aquino

Professor Felipe Aquino é viuvo, pai de cinco filhos. Na TV Canção Nova, apresenta o programa “Escola da Fé” e “Pergunte e Responderemos”, na Rádio apresenta o programa “No Coração da Igreja”. Nos finais de semana prega encontros de aprofundamento em todo o Brasil e no exterior. Escreveu 73 livros de formação católica pelas editoras Cléofas, Loyola e Canção Nova. Página do professor: www.cleofas.com.br Twitter: @pfelipeaquino

Especial 40 Anos Canção Nova

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.