Segredos de Fátima

A mensagem deixada por Nossa Senhora de Fátima à humanidade

Caro leitor, há exatos 104 anos, Nossa Senhora aparecia, pela primeira vez, aos três pastorinhos Lúcia, Jacinta e Francisco numa pequenina aldeia de Portugal. Mais especificamente num local chamado “Cova da Iria”. Esse fato é narrado naquela singela e tão comovente canção cuja letra diz: “A treze de maio na Cova da Iria, no céu aparece a Virgem Maria”.

Sua presença materna transbordava amor e preocupação para com seus filhos do mundo todo. Não foi à toa que ela deixou para o mundo uma mensagem de inestimável valor. Cabe ressaltar que as palavras que a Virgem Maria pediu para aquelas crianças transmitirem em nada contradiziam o conteúdo da fé. Ou seja, tudo o que Nossa Senhora revelou possui convergência total com o anúncio de seu Filho Jesus.

A mensagem deixada por Nossa Senhora de Fátima a humanidade

Foto Ilustrativa: by Getty Images / Photon-Photos

De certa forma, a profundidade teológica e o caráter profético daquelas mensagens sempre causaram espanto e até mesmo fascínio naqueles que possuíam certa instrução das letras e conhecimento geopolítico do mundo naqueles tempos. Como aquelas crianças broncas e iletradas podiam transmitir mensagens que exigiam um conhecimento interdisciplinar? De certa forma, essa situação corroborou por atestar a veracidade daquele acontecimento sobrenatural. E, de fato, o era.

O que nos diz a mensagem de Nossa Senhora de Fátima?

Nossa Senhora, como mãe zelosa e por meio daquelas simples e extraordinárias crianças, exortou-nos, advertiu-nos, mas também consolou-nos e trouxe-nos esperança. A mensagem da Virgem de Fátima, de modo geral, faz um veemente apelo à conversão e à penitência, atitudes essenciais para que os cristãos tomem consciência de sua finitude enquanto seres compostos de matéria, mas também portadores de uma alma imortal criada por Deus.

Além de todos os ensinamentos dados pela Virgem de Fátima para que nós, os Filhos da Igreja, pudéssemos nos aproximar de seu amado Filho, ela deixou ainda aquilo que foi chamado de os “segredos de Fátima”. Muito se falou sobre esses segredos, incontáveis interpretações, até mesmo exageradas e apocalípticas foram atribuídas a eles, especialmente o terceiro segredo, que fora revelado somente no ano de 2000, num dia como o de hoje, pelo Papa João Paulo II.

1º segredo de Fátima

Com relação ao primeiro segredo, a Virgem Maria permitiu que aquelas crianças vissem o inferno e tudo o que acontecia lá. Homens e mulheres de todas as idades se contorciam num mar inflamado e incandescente. Os que lá sofriam emitiam gritos apavorantes. Ao se deparar com esta imagem, as crianças ficaram assombradas. Ainda faz parte desse primeiro segredo o importante aviso de que a Primeira Grande Guerra Mundial estaria por terminar. Contudo, Deus queria a conversão da humanidade e, caso não acontecesse, aconteceria uma segunda e muito pior Grande Guerra.

2º segredo de Fátima

No segundo segredo, Nossa Senhora institui a devoção ao seu Imaculado Coração por meio da Comunhão Reparadora. Assim, as pessoas que estivessem em estado de graça, deveriam comungar, seguidamente, durante os cinco primeiros sábados de cada mês. Além disso, elas teriam que rezar um terço e fazer quinze minutos de adoração ao Santíssimo Sacramento em desagravo das maldades, ofensas e pecados cometidos contra o Imaculado Coração de Maria. Quem acolhesse este pedido não morreria em pecado mortal, e, na hora da morte, receberia a visita consoladora da Mãe de Deus.

Neste segundo segredo, Nossa Senhora ainda pediu que a Rússia fosse consagrada ao seu Imaculado Coração. Caso o seu pedido fosse atendido, a Rússia se converteria e o mundo viveria um período de paz. Caso contrário, o mal cresceria e o comunismo espalharia os seus erros por todas as partes do mundo. Com isso, cresceria a apostasia e nasceria a impiedade. Aconteceria, enfim, uma segunda Guerra Mundial ainda mais devastadora que a primeira.

Leia mais:
.: Conheça a relação entre o Escapulário e Nossa Senhora de Fátima
.: As Nossas Senhoras são a mesma Virgem Maria?
.: Sábado é dia dedicado à Virgem Maria, nossa Mãe
.: As promessas de Nossa Senhora para quem reza o rosário

O terceiro segredo de Fátima, aquele que foi revelado na virada do segundo para o terceiro milênio, possui um conteúdo, de certa forma, enigmático. Em resumo, a imagem apontava para a presença de um anjo portando uma espada de fogo à esquerda de Nossa Senhora. Este fogo se abrandava no contato com o esplendor que Nossa Senhora irradiava. Nossa Senhora, então, chamava à “penitência, penitência, penitência!”.

Nesta imagem, havia ainda a presença de um bispo vestido de branco junto de outros bispos, sacerdotes e religiosos que subiam uma montanha íngreme. No topo desta montanha, havia uma grande Cruz de madeira. Para chagar até esta cruz, o Bispo vestido de branco atravessou uma grande cidade em ruínas, tremendo e com um passo vacilante. Ele possuía um semblante de dor e rezava pelas almas dos cadáveres que encontravam pelo caminho.

Ao chegar no alto do monte, ele se posta de joelhos aos pés da Cruz e acaba sendo morto por um grupo de soldados que dispararam vários tiros de arma de fogo e flechas. Morreram também aqueles que o acompanhavam. Debaixo dos braços da Cruz, havia dois anjos portando cada qual uma jarra de cristal, com as quais recolhiam o sangue dos mártires para com ele regar as almas dos que se aproximavam de Deus.

O então Cardeal Joseph Ratzinger, Prefeito da Congregação para a Doutrina da Fé – e, futuramente, Papa Bento XVI –, foi incumbido pelo seu predecessor, o Papa João Paulo II, de fazer uma interpretação do terceiro Segredo de Fátima. O pequeno texto pode ser lido clicando aqui.

Nossa Senhora de Fátima nos propõe a salvação das almas

Em resumo, os segredos de Fátima possuem um único motivo de existir: a salvação das almas. Nossa Senhora nos aponta o caminho: seu Filho Jesus. Estejamos atentos à sua mensagem e permitamos que o nosso coração acolha essas preciosas instruções que nos apontam o caminho do céu.

Concluo o artigo com o trecho de uma oração composta pelo Papa João Paulo II: “Ó Mãe dos homens e dos povos, Vós que conheceis todos os seus sofrimentos e as suas esperanças, acolhei o nosso clamor que, movidos pelo Espírito Santo, elevamos diretamente ao Vosso Coração, e abraçai com o amor da Mãe este nosso mundo humano, que Vos confiamos e consagramos, cheios de inquietação pela sorte terrena e eterna dos homens e dos povos. Amém!

Deus abençoe você!
Até a próxima!

 


Gleidson Carvalho

Gleidson de Souza Carvalho é natural de Valença (RJ), mas viveu parte de sua vida em Piraúba (MG). Hoje, ele é missionário da Comunidade Canção Nova, candidato às ordens sacras, licenciado em Filosofia e bacharelando em Teologia, ambos pela Faculdade Canção Nova, Cachoeira Paulista (SP). Atua no Departamento de Internet da Canção Nova, na Liturgia do Santuário do Pai das Misericórdias e nos Confessionários. Apresenta, com os demais seminaristas, o “Terço em Família” pela Rádio Canção Nova AM. (Instagram: @cngleidson)

comentários