Beleza espiritual

O cristão e a verdade

A verdade é bela em si mesma. Ela comporta o esplendor da beleza espiritual

Foto: Wesley Almeida / cancaonova.com

Qual o dever do homem a respeito da verdade?

Toda pessoa é chamada à sinceridade no agir e no falar. Cada um tem o dever de procurar a verdade e de a ela aderir, ordenando toda a própria vida segundo as exigências da verdade. Em Jesus Cristo, a verdade de Deus se manifestou inteiramente: ele é a verdade. Quem O segue vive no Espírito de verdade e é avesso à duplicidade, à simulação e hipocrisia.

Como se dá o testemunho da verdade?

O cristão deve dar testemunho da verdade evangélica em todos os campos da sua atividade pública e privada, mesmo com o sacrifício, se necessário, da própria vida. O martírio é o supremo testemunho prestado à verdade da fé.

O que proíbe o oitavo mandamento?

O falso testemunho e o perjúrio, a mentira cuja gravidade se mede pela verdade que ela deforma pelas circunstâncias, pelas intenções do mentiroso e pelos danos sofridos pelas vítimas; o juízo temerário, a maledicência, a difamação, a calúnia que diminuem ou destroem a boa reputação de vantagens ilícitas. Uma culpa cometida contra a verdade comporta a representação se causou danos a outros.

O que pede o oitavo mandamento?

O oitavo mandamento pede o respeito à verdade, acompanhado pela discrição da caridade: na comunicação e na informação que devem avaliar o bem pessoal e comum, a defesa da vida privada, o perigo de escândalo, na manutenção dos segredos profissionais que devem sempre ser mantidos, exceto casos excepcionais por graves e proporcionais motivos. E é também exigido o respeito pelas confidências feitas sob sigilo.

Leia mais:
.: Era da pós-verdade e quase mentira: é preciso cultivar a formação da consciência moral
.: Quando as minhas mentiras se tornam minhas verdades
.: As pequenas mentiras nos tornam incapazes de falar a verdade

Como deve ser o uso dos meios de comunicação social?

A informação midiática deve estar a serviço do bem comum e, no seu conteúdo, deve ser sempre verdadeira e, salvas a justiça e caridade, também íntegra. Deve, além disso, exprimir-se de modo honesto e conveniente, respeitando, escrupulosamente, as leis morais, os legítimos direitos e a dignidade da pessoa.

Que relação existe entre verdade, beleza e arte sacra?

A verdade é bela em si mesma. Ela comporta o esplendor da beleza espiritual. Existem, além da palavra, numerosas formas de expressão da verdade, em particular as obras artísticas. São frutos de um talento dado por Deus e do esforço do homem. A arte sacra, para ser verdadeira e bela, deve evocar e glorificar o Ministério de Deus, que se mostrou em Cristo e levar à adoração e ao amor de Deus Criador e Salvador, Beleza excelsa de Verdade e Amor.

(Trecho do Compêndio do Catecismo da Igreja Católica)

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.