Murmuração: sinal de imaturidade espiritual

Quanto ao mais, irmãos, ocupai-vos com tudo o que é verdadeiro, digno de respeito ou justo, puro, amável ou honroso, contudo que é virtuoso ou louvável‘ (Fl. 4, 8).

Durante o dia constantemente aparece diante de nós diversas situações que são imposta ou não, coisas que pessoas nos pedem para fazer como: o nosso pai, a mãe , o chefe, o superior, o coordenador, que muita das vezes não aceitamos, ou também coisas que vemos neles que não aceitamos. Pois só queremos aceitar aquilo que nos satisfaz ou estamos com vontade. Então corremos o risco de cairmos na reclamação, constestação ou murmuração.

Queremos destacar a murmuração que é algo que leva o homem a corroer a própria alma como um câncer que vai destruindo as células boas e quando se perceber já tomou conta do corpo inteiro, assim a vida fica comprometida. Não é diferente da pessoa que vive na murmuração, pode tornar-se vício e tomar toda alma. A vida espiritual do murmurador vai se esfriando e definhando.

O murmurar é falar baixinho, para não se ouvido por outros, nem as claras, nem frente a frente. Sempre murmuramos contra alguém ou alguma coisa. A murmuração nos leva a sermos falsos uns com os outros e contagia pessoas que estão em nossa volta. É através de uma crítica, de cobrança, julgamento que nasce a murmuração.

Então começa-se a pensar ou julgar a atitude do outro (Olha para fulano, fulano faz isso, isso de novo? só eu?) São coisas desse tipo que nos leva a murmuração. Ela é um sinal de imaturidade.

Quando murmuramos abrimos dois processos contra nossos irmãos:
1) O de refleti nos outros o que não aceitamos em nós.
2) O de vermos os fatos e não somos capazes de ver no interior o que o nosso irmão esta vivendo ou aspirando. Mas se queremos viver a santidade, crescer na maturidade e ser liberto desse vício, precisamos dar passos concretos, começando a romper com essa situação. A nossa cura e restauração depende disso.

Devemos olhar para o irmão com os olhos de Deus vendo suas qualidades que superam todos os defeitos. É através do silêncio do amor e da obediência que iremos vencer a murmuração. Assim, Dom Bosco falou sobre a murmuração: ‘Ela é como uma praga. Espalha-se rapidamente e põe tudo a perder. Ela mata a vida de qualquer ‘. Para exterminar essa praga vamos usar o método:
Pensar bem de todos,
falar bem de todos,
querer bem a todos. És o remédio.

Semin Seminarista Reinaldo da Silva
Comunidade Canção Nova
reicn@bol.com.br

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.