BONDADE

É preciso fazer o bem a qualquer pessoa em qualquer situação

Fazer o bem para as pessoas próximas e até para aqueles que nem conhecemos

“O amor seja sincero. Detestai o mal, apegai-vos ao bem, empenhai-vos em fazer o bem diante de todos” (Rom 12,9-17).

Acredito que Deus tem uma pedagogia própria para lidar com cada um de nós, porque Seu amor é único, pessoal e incondicional. Isso implica uma direção concreta para alcançar a santidade.

Encontro, nessas palavras de São Paulo – “Empenhai-vos em fazer o bem” –, a via pela qual Deus me chama a caminhar para a santidade. Posso afirmar que vivo o meu ‘PHN‘ (Por Hoje Não vou mais pecar), na decisão e na escolha pelo bem. Deus me convenceu, pela Sua Palavra, de que eu preciso combater o mal e o pecado que há em mim fazendo o bem: diante de todas as situações, circunstâncias, fatos e conhecimentos devo escolher o bem. A pessoa humana possui uma capacidade natural de transpor suas dificuldades, fazer escolhas, responder pelo seu crescimento. Imagine toda essa capacidade sob o auxílio da graça de Deus!

É preciso fazer o bem a qualquer pessoa em qualquer situação

Foto ilustrativa: Wesley Almeida/cancaonova.com

Seja portador da Palavra de Deus

Compreendo, hoje, que fazer o bem a qualquer pessoa e em qualquer situação significa ser portadora da bênção de Deus, uma vez que Ele nos diz: ‘Tomo hoje por testemunhas o céu e a terra contra vós: ponho diante de ti a vida e a morte, a bênção e a maldição. Escolhe, pois, a vida, para que vivas com a tua posteridade’ (Dt 30,19). Deus me chama a abençoar sempre. Segundo o dicionário de espiritualidade, abençoar significa fazer o bem e desejar o bem a todos, querer o bem de Deus para com os homens e o bem dos homens para com Deus.

Quando faço o bem, Deus arranca do meu coração todo egoísmo, toda tendência de ficar fechada em mim mesma. Quando faço o bem, Deus me abre o coração para o amor verdadeiro e sincero, o amor desinteressado. Não é fácil, mas, à medida que a via do bem vai se firmando como via de santidade para mim, deparo-me com minhas limitações e mágoas, meus medos, ressentimentos e fechamento. Todavia, isso se fez necessário, até mesmo para perceber onde eu preciso ser trabalhada e curada pela Senhor.

Leia mais:
::Você tem se importado e cuidado da sua autoestima?
::O ser humano não sabe mais lidar com suas emoções
::Aceitar-se é o primeiro passo para conseguir conviver com o próximo
::Sua felicidade depende dos elogios?

Faça sempre o bem

Quando faço o bem, Deus arranca de meu coração todo medo de autoridades, porque encontrei, na Palavra, a resposta: “Queres não ter medo da autoridade? Pratica o bem, pois a autoridade está a serviço de Deus, para levá-lo à prática do bem” (Rom 13,3b-4). Mais ainda, pela Palavra Deus, redespertou em mim a confiança, arrancando os temores: ‘Ora, quem é que vos fará mal, se vos esforçais em fazer o bem?’ (1Pd 3,4).

Hoje, entendo que para combater o mal, o pecado, eu preciso tomar a decisão pelo bem. Não é algo forçado, mas uma decisão livre e consciente, que, aos poucos, vai se tornando um hábito, porque essa é a via do meu PHN, da minha santidade e salvação. Quando tomo a decisão de fazer o bem diante de qualquer situação e de qualquer pessoa, a graça de Deus vem em meu socorro, tornando sobrenatural aquilo que eu não posso sozinha.

Deus abençoe você.


Vera Lúcia Reis

Missionária na Canção Nova, Vera Lúcia Reis está, atualmente, como responsável de missão em São José do Rio Preto (SP). Formada em Teologia, a missionária também possui pós-graduação em Gestão Eclesial.

comentários