▶️ Saiba o por quê?

Halloween: doces ou travessuras? O Céu ou o Inferno? O Bem ou o Mal?

Em tempos de modernismos exacerbados, parece um pouco pueril falarmos sobre uma “simples festa a fantasia”, chamada halloween! Mas para nós, cristãos, ele não é apenas uma simples festa inofensiva, e sim um tipo de culto às forças ocultas malignas!

Agora, pode até mesmo soar de modo inadequado para tantas pessoas que leem este artigo o alerta para o halloween, mas não me preocupo, faz parte destes tempos estranhos em que vivemos, e que a maioria das pessoas infelizmente perderam o senso das proporções do certo e do errado, inclusive com esta realidade do halloween.

Halloween-doces-ou-travessuras-O-Céu-ou-o-Inferno-O-Bem-ou-o-Mal

Foto Ilustrativa: sandsun by Getty Images

Vamos entender um pouco onde mora o perigo do halloween?

Todo o dia 31 de outubro a festa de halloween é comemorada e, aqui no Brasil, é também conhecida como festa das bruxas. Sua origem ainda é discutida por muitos historiadores, porém, a que parece ser a mais aceita é a que teve sua origem há mais de 2300 anos com o povo Celta.

Na data citada acima, o povo Celta encerrava o verão, além disso, dizia-se que os espíritos dos mortos saiam de suas covas para tomar posse dos corpos dos vivos. Então, o povo Celta, assustados por essa realidade, decidiram colocar em frente às suas casas objetos que pudessem, de alguma maneira, “assustar” aqueles espíritos. Utilizavam-se de caveiras, ossos, bonecos enfeitados e todo tipo de objetos “assustadores”.

Uma festa da morte?

Portanto, a origem desta festa é a MORTE, são as almas que se levantam e vêm ao encontro dos vivos. E essa é a primeira realidade que já contradiz a nossa fé católica, pois sabemos que a volta das almas daqueles que já morreram é impossível! Na verdade, essa “festa” é marcada por diversos elementos bem estranhos à fé católica, colocando quem participa frente a frente com realidades voltadas ao ocultismo: bruxas, fantasmas, caveiras, monstros deformados e diversas realidades voltadas ao terror e às trevas.

O nome halloween tem a sua origem numa palavra em inglês que é: “All Hallow’s Eve” (Vigília de todos os Santos), para nós, católicos, é a comemoração do “Dia de todos os Santos”, posterior ao Dia de Finados.

É nesta realidade que entra toda a confusão do mal! Sabemos que, historicamente, seitas e falsas religiões se utilizaram, e ainda se utilizam, de elementos puramente católicos para ser um atrativo e conseguir recolher o maior número de adeptos. Assim também aconteceu com a questão do halloween: aproveitando-se de uma data onde relembramos os mortos (finados), porém, com uma perspectiva totalmente diferente, que nos remete, na verdade, à realidade do Céu e do Purgatório, por isso, à vida; e, de modo sútil, essa “festa” se utilizou de elementos pagãos e ocultistas para celebrar a morte e não a vida!

Leia mais:
.: Como desmascarar a astúcia do demônio em nossa vida?
.: Por que o Santo Rosário é uma arma contra o demônio?
.: Você conhece a origem da festa de Halloween?
.: Precisamos apresentar às crianças os heróis de verdade 

É sabido diante de diversos relatos de ex-satanistas e dezenas de exorcistas que a data de halloween é uma data especial para aqueles que, de alguma maneira, estão ligados ao ocultismo. Satanistas, bruxos, magos, feiticeiros e diversas seitas se utilizam desta data para celebrações macabras e de culto ao demônio. Para os satanistas, esta data é o grande dia do diabo. Rituais verdadeiramente satânicos acontecem neste dia, onde envolve sacrifícios de animais, chegando ao ponto da realização de sacrifícios humanos, em geral, o sacrifício ou rituais que se utilizam de fetos, e esses são oferecidos ao demônio.

Não pensem que isso são apenas historinhas de ficção, pois não são! Muitos satanistas, nesta época, buscam conseguir roubar hóstias consagradas com o intuito de profanar o Sagrado, profanar e ofender a Deus, exaltando o demônio, por meio de missas negras e rituais que envolvam orgias sexuais.

O que os exorcistas dizem do halloween?

Exorcistas renomados e especialistas afirmam de modo veemente o perigo por detrás do halloween! Padre Gabriele Amorth, um dos mais renomados Exorcistas de Roma, em vida afirmava: “Halloween é uma armadilha do demônio. É uma festa nojenta e me dá nojo. Trata-se de uma coisa pagã, anticristã e anticatólica (…)”.

Padre Paulo Ricardo afirma: “Como numa paródia, o diabo inventou a comemoração do Dia das Bruxas, que contém uma miséria escondida porque celebra as pessoas condenadas ao inferno. Muitos acham que o inferno não existe porque Deus é Misericórdia, mas é preciso entender que o inferno existe porque o homem é livre, ou seja, nós podemos ou não escolher entrar na felicidade eterna. É importante lembrar que nossa alma ainda está em risco, podemos ser salvos, mas ainda podemos nos perder”.

O tão conhecido exorcista português, padre Duarte Lara, chancela nos dizendo que: “Os satanistas têm também o seu ano satânico, e o ano satânico começa no dia da noite do halloween. Eles celebram esta data na festa de halloween. Concretamente, na noite do halloween, às 3h da manhã, que é considerada a hora do demônio, contraria a hora da Misericórdia, é onde mais se fazem sacrifícios humanos ao demônio. Matam-se pessoas em honra a satanás! Há jovens que engravidam 7 meses antes do halloween com o único objetivo de sacrificar seus filhos ao demônio”.

Não participe destas festas

Quem não se lembra no ano de 2014, nos EUA, foi fundada a “Igreja Maior de Lúcifer”, e a mesma foi fundada exatamente no dia 31 de outubro, dia de halloween.

Portanto, nós, Católicos, não devemos compactuar de nenhuma forma com tal “festa”! Sabemos que muitas escolas no Brasil costumam comemorar ou festejar esta data, e você, pai e mãe que agora leem este artigo, não podem deixar seus filhos compactuarem com isso! Não se pode brincar com realidades espirituais diabólicas, não se pode ter nenhum tipo de conluio com o mal! Ou rompe-se com ele, ou, então, sofre-se as consequências de ter se aproximado dele! Espero que tenha ficado claro!


Danilo Gesualdo

Danilo Gesualdo trabalha desde o ano de 2003 com o Ministério de Cura e Libertação. O missionário participa de encontros e retiros espirituais, em que é convidado a palestrar sobre essa temática. Atualmente, Gesualdo faz um trabalho junto às pessoas que procuram ajuda por meio da oração, na Casa de Maria, em Cachoeira Paulista (SP). Siga o colunista no @danilo_gesualdo 

comentários