Deus nos quer santos

“Quero que sejais santos! Tudo o que vos acontece tem essa finalidade!”

Lendo um livro, que relatava alguns fatos da vida dos santos, deparei-me com essa frase, que o próprio Jesus disse a Santa Catarina de Senna, e fui impulsionada a observar, nos fatos concretos do dia a dia, o quanto desperdiço as inúmeras oportunidades que a Divina Providência me proporciona para que eu seja santa. Acredito que essa é também a realidade de muitos.

Certa vez, disse Jesus: “Como sois tardos e lentos!”. Havia, nessa frase, uma certa indignação de Jesus. Buscando mergulhar nos sentimentos que O levaram a fazer tal afirmação, lembrei-me de uma historinha:

“Uma mulher estava a preparar um bolo, quando foi surpreendida por sua filha a reclamar
que nada dava certo, que as coisas não se encaixavam e que estava cheia de problemas.
Quando, de repente, a mãe a interrompeu e perguntou:
– Minha filha, você quer um pedaço de bolo?
– Claro, mãe! Você faz um bolo delicioso!
Com um belo sorriso, a mãe lhe disse:
– Toma, então, um copo de farinha.
– Credo, mãe!
– Minha filha, que tal três ovos crus?
– Que nojo!
– Quer, então, um pouco de óleo?
A filha, já bastante irritada, disse-lhe que nada daquilo que estava sendo oferecido a ela era bom.
Mais uma vez, a mãe sorriu e disse:
– É verdade, minha filha! Todas essas coisas parecem ruins sozinhas, mas, quando postas juntas
e na medida certa, formam um delicioso bolo”.

Deus nos quer santos

Foto ilustrativa: Wesley Almeida/cancaonova.com

Tudo o que nos acontece é para que sejamos santos

É assim a nossa vida. Quantas vezes paramos e ficamos olhando para as contrariedades, para as coisas desagradáveis que nos acontecem, e, muitas vezes, questionamos Deus sobre o porquê de tais acontecimentos.

O Senhor nos quer presentear com um delicioso bolo, mas, para isso, Ele precisa, antes, colocar na medida e na ordem certa cada ingrediente. Nós, no entanto, quando os vemos e os percebemos de maneira isolada, logo murmuramos, reclamamos, mas se formos pacientes e esperarmos que os ingredientes sejam postos, eles nos farão um imenso bem.

Leia mais:
::Existe uma família perfeita?
::Jesus age no tempo certo
::Palavra de Deus, um sustento real!
::Baixe o aplicativo da Canção Nova e tenha acesso a todos os conteúdos do portal cancaonova.com

O que precisamos é ter um coração que espera e confia, que se abandona, que se submete e reconhece, em cada acontecimento, a vontade de Deus. Dessa forma, cada fato nos levará a fazer a experiência com o Deus de Amor que nos quer santos, mas que sabe que somos frágeis, por isso age com cautela e cuidado, permitindo-nos viver cada coisa na sua vez e na medida certa.

Vivendo essa realidade, podemos experimentar o que o próprio Jesus disse a Santa Catarina de Senna: “Quero que sejais santos! Tudo que vos acontece tem essa finalidade!”.

Tenhamos, então, um coração capaz de acolher as mais diversas situações, até as contrariedades, como o ingrediente que nos levará à santidade!

Com orações,

Ana Paula Meneses, missionária da Comunidade Canção Nova

banner pais e filhos

comentários