Esta é a causa

“É por isso que estou suportando também os presentes sofrimentos, mas não me envergonho. Pois sei em quem acreditei, e estou certo de que Ele é poderoso para guardar até aquele dia o bem a mim confiado.” (II Timóteo 1,12)

É interessante perceber que São Paulo não se cansava de sofrer por causa do amor ao Evangelho. Ou melhor, pela opção que fizera de ser anunciador da Boa Nova. O que mais me alegra nessa palavra é também poder perceber que, muitas vezes, nós também fazemos essa mesma caminhada. Sofremos pelas nossas escolhas, sofremos porque queremos ver esse mesmo Jesus, anunciado a todos aqueles que amamos; sofremos pelo bem a nós confiado, o qual, muitas vezes, nos custa muitas renúncias.

Fico imaginando as possíveis dificuldades pelas quais o apóstolo deva ter passado e enfrentado em seu apostolado. Não muito diferente de nós hoje, só que ele tinha um segredo simples: Paulo colocou toda sua confiança na pessoa de Jesus Cristo! Sabia a quem servia e tinha a certeza de que somente o Senhor era capaz de sustentá-lo na caminhada, guardando o bem a ele confiado, que era ser pregador, apóstolo e servo de Jesus Cristo. Tarefa não muito fácil para aquele que tinha sido perseguidor do Mestre. Basta ler os Atos dos Apóstolos para averiguar isso.

Não sei qual o bem que foi lhe confiado por Deus. Talvez seja seu filho deficiente, ou seu esposo ou seu filho viciados no álcool, nas drogas, talvez seu trabalho exaustivo, ou um irmão enfermo, o cuidado com a velhice de seu pai ou sua mãe, ou seus estudos, sua comunidade, o abrir mão dos seus projetos… Mas, seja qual for este, saiba que os sofrimentos causados a você, – por causa deste bem –, precisam estar alicerçados numa confiança plena em Jesus Cristo. Este foi o segredo de Paulo: “É este o motivo por que estou sofrendo assim. Mas não me queixo, não. Sei em quem pus minha confiança” (I Timóteo 1, 12a).

Não perca tempo querendo carregar tudo sozinho, querendo acreditar em suas próprias forças ou em qualquer outra coisa, que não seja no poder transformador de Deus em nossas vidas. Não esqueça que tudo aquilo que é oferecido ao Senhor é transformado.

Somos convidados, hoje, a provar do poder de Deus, que é capaz de nos guardar fiéis até o fim, sem desanimar.

Deus abençoe!

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.