Transfiguração do Senhor

A Igreja celebra e comemora hoje a Festa da Transfiguração do Senhor. Jesus se revela diante dos Apóstolos Pedro, Tiago e João, mostrando-lhes nesta revelação a Face de Deus e que Ele é realmente o seu Filho Predileto. Todos nós cristãos somos também chamados a contemplar a Face de Deus nos pobres, nos doentes, nos marginalizados, naqueles que sofrem todo tipo de perseguição e de morte.

Deus se revela a nós em Jesus Cristo e precisamos de uma profunda intimidade com Ele para contemplarmos este Rosto maravilhoso de Deus, que é Amor e Misericórdia.

Anastácio Sinaíta, Bispo, nos fala em um de seus Sermões: ‘ Jesus manisfestou a seus discípulos este mistério no monte Tabor. Havia andado com eles, falando-lhes a respeito de seu Reino e da segunda vinda na glória. Mas talvez não estivessem muito seguros daquilo que lhes anunciara sobre o Reino.

Para que tivessem firme convicção no íntimo do coração e, mediante as realidades presentes, cressem nas futuras, deu-lhes ver maravilhosamente a divina manifestação do monte Tabor, imagem prefigurada do Reino dos Céus. (…) São estas as maravilhas da presente solenidade, é este o mistério de salvação para nós que agora se cumpriu no monte: ao mesmo tempo, congregam-nos agora a morte e a festa de Cristo.

Para penetrarmos junto àqueles escolhidos dentre os dicípulos, inspirados por Deus, na profundeza destes inefáveis e sagrados mistérios, escutemos a voz divina que do alto, do cume da montanha, nos chama instantemente. (…)Para lá corramos cheios de ardor e de alegria; entremos na nuvem misteriosa, semelhantes a Moisés e Elias ou Tiago e João. Sê tu também como Pedro, arrebatado pela divina visão e aparição, transfigurado por esta linda Transfiguração, erguido do mundo, separado da terra.

Deixa a carne, abandona a criatura e converte-te para o Criador a quem Pedro, fora de si, diz:

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.