Atenção

Dicas para participar das transmissões das Missas pela TV

Neste tempo de isolamento social para conter o avanço da pandemia do coronavírus (Covid-19), a grande maioria das pessoas estão acompanhando a Santa Missa em suas casas através da televisão e redes sociais. Sabemos que, nada substitui a presença física em uma celebração eucarística, mas muitos bispos, pela autoridade a eles constituída, dispensaram os fiéis do preceito dominical da participação física nas missas.

Acompanhar uma transmissão da Santa Missa, seja pela televisão ou demais mídias sociais, exige preparação interior e exterior. O fato de não estarmos fisicamente no ambiente em que a celebração está sendo transmitida pode causar um excesso de “fugas psicológicas”, que nos impedem de vivenciar de modo mais contrito a Missa que está sendo transmitida.

dicas-para-participar-das-transmissoes-de-missa-pela-tv

Foto Ilustrativa: robertprzybysz by Getty Images

Como se preparar para participar da Santa Missa?

Procure preparar-se interiormente antes do início da transmissão da Missa; medite nas leituras do dia; deixe que a Palavra de Deus crie raízes em seu coração; aguarde com serenidade o início da transmissão.

Durante as transmissões on-line, evite ficar postando comentários. Quando estamos fisicamente em uma Igreja onde está sendo celebrada a Missa, não ficamos conversando com a pessoa ao lado nem usando o aparelho celular. Isso também vale para as transmissões on-line.

.: Ao usar o celular na igreja, é preciso ter coerência 

O padre que está presidindo a Missa não vai ler aos seus comentários naquele momento. Então, não adianta ficar digitando que o som está baixo, mandar abraço para ele, dizer que reside em outro estado ou demais comentários. Tais mensagens apenas tiram a concentração de quem está acompanhando a transmissão.

Cuidados

Não se esqueça: cada vez que você digita um comentário, tira a atenção de quem está acompanhando a transmissão da Missa. A curiosidade é um mal psicológico. Nas missas presenciais não ficamos comentando o que ocorre na celebração com quem está ao nosso lado. Por que em uma transmissão ao vivo seria diferente?

Não é possível estar presente espiritualmente no momento de uma transmissão on-line, se você estiver lavando a louça, fazendo o almoço, lavando roupa ou limpando a casa. Quando vamos à Missa, deixamos as tarefas para depois. O mesmo deve ocorrer quando estamos acompanhando uma transmissão da Missa on-line ou televisiva.

Se você se prontificou a acompanhar a transmissão de uma Missa, deixe de lado os outros aplicativos de comunicação, isto é, ou você responde as mensagens ou você acompanha a Missa.

Leia mais:
.: O que é e como fazer uma comunhão espiritual?
.: Ferramentas digitais para assistir e transmitir a Missa online
.: Confira 6 dicas para participar bem da Santa Missa
.: Como manter a saúde em tempos de quarentena? 

Silêncio interior

Lembre-se: o silêncio é um valor que cabe até mesmo durante a transmissão de uma Missa on-line ou televisiva. Ninguém precisa saber que você está acompanhando. Deus está vendo, e isso basta! Cuidado com os mecanismos psicológicos que insistem em dizer-nos que: para sermos notados é preciso que todos saibam de nossa presença on-line.

Faça sua comunhão espiritual com fé e devoção. Se você ficou o tempo todo teclando ou fazendo outras tarefas durante uma transmissão, como será a qualidade da sua comunhão espiritual?

A transmissão da Missa terminou? Agora sim, pode escrever nos comentários de onde você é, que o som precisa melhorar, que a imagem estava ruim, que a câmera estava torta, que esqueceram de acender a vela…

banner espiritualidade


Padre Flávio Sobreiro

Bacharel em Filosofia pela PUCCAMP e Teólogo pela Faculdade Católica de Pouso Alegre (MG), padre Flávio Sobreiro é pároco da Paróquia São José, em Toledo (MG), e padre da Arquidiocese de Pouso Alegre (MG). É autor de livros publicados pela Editora Canção Nova, além disso, desde 2011,  é colunista do Portal Canção Nova. Para saber mais sobre o sacerdote e acompanhar outras reflexões, acesse: @peflaviosobreirodacosta.

comentários