escolhas

Não se acostume com o sofrimento

Não fomos feitos para o sofrimento. Inegavelmente ele é uma via, é um meio, um caminho. Para onde ele vai nos levar depende de nós! Ele pode ser uma escada para o céu ou uma escada rolante para o inferno. O que vai determinar para onde vamos é a nossa postura, são as nossas escolhas.

Há uma música que eu gosto, e ela diz: “existe um louvor que só se dá da cruz!” Para nós cristãos ao menos, o sofrimento é esse lugar de louvor, mas ele pode ser também um lugar de murmuração, de reclamação.

Não se acostume com o sofrimento

Foto ilustrativa: Wesley Almeida/cancaonova.com

O sofrimento não é lugar de parada

Não precisamos pedir nem nos acostumarmos com o sofrimento, pois não fomos feitos para ele, contudo, a promessa de felicidade de Deus para nós o comporta, mas está para além dele. O sofrer não é um lugar de parada, mas de passagem. No entanto, é como passamos por ele que vai determinar para onde vamos.

Perguntemos: onde queremos chegar? Nesse caminho, há padecimento? Beleza! Embora pra cima dele! Não nos desviemos dele, pois ele vai nos mostrar nossas fraquezas, mas vai nos revelar nossas forças também. Conseguiremos! Nessa equação, o Senhor não dá cruzes maiores do que podemos suportar, Ele é o maior interessado no resultado.

Leia mais:
.:Creia no Deus da esperança sempre
.:Santa Teresa e a oração do “Pai-Nosso”
.:Não tenha preguiça de reservar um tempo para rezar
.:Vença a procrastinação pela fé e pela atitude

Uma grande tentação que o sofrimento oferece é querer parar nele. Não! Não façamos isso. Sigamos! O fim não está nele. Por favor, não nos acostumemos com ele! O fim último da nossa existência é a felicidade, empenhemo-nos para alcançá-la. Tenhamos cuidado, pois muitas formas de felicidade nos serão apresentadas,  e uma boa maneira de discernir é que a felicidade que vem de Deus jamais excluirá a cruz, o sofrimento. Nossa felicidade prometida por Deus está para além da cruz!

Deus o abençoe. Boa jornada!


Carla Picolotto

Carla Picolotto, é natural de São José das Missões-Rio Grande do Sul membro da Canção Nova desde 2009. Passou pelas missões do Rio de Janeiro- RJ, Fortaleza- CE, além de Cachoeira Paulista-SP e Lavrinhas-SP atua hoje na missão de Queluz- SP na Equipe de Formação do Discipulado, que corresponde ao segundo ano do período de Averiguação de ingresso das novas vocações à Canção Nova.

comentários