Os caminhos do Senhor

Como Deus pode manifestar-Se e revelar-Se em nossa vida?

Saiba reconhecer como Deus age, diariamente, em sua vida

As formas de Deus agir, sempre manifestadas quando Ele revela-Se, são diferentes do jeito de ser da pessoa humana. O Seu projeto passa a constituir-se como proposta para o nosso proceder. As respostas que damos a Ele, devem ser de forma consciente e livre.

As pessoas têm plena liberdade para atenderem ao chamado feito pelo Senhor. Elas devem dizer um “sim” que realmente seja “sim”, com autenticidade e coração livre. Muitos trocam seu “sim” pelo “não”, deixando de realizar o bem como primeira proposta assumida.

Como Deus pode manifestar e se revelar na nossa vida

Foto Ilustrativa: Bruno Marques/cancaonova.com

Não recuse os dons de Deus

Somos livres para recusar os dons de Deus, podendo até agir de forma contrária, evidenciando nosso orgulho próprio. Foi o que aconteceu com o filho que disse “sim” e acabou realizando o “não”, contrariando a vontade do seu pai.

Pelo nosso livre arbítrio, podemos escolher fazer o bem ou o mal. Tendo feito a escolha, somos capazes de mudar de rumo. Isso é sinal de que temos limitações e nunca estamos prontos e totalmente certos sobre o caminho que devemos percorrer.

Diante de tudo isso, o seguimento do caminho do Senhor supõe frequente revisão de vida. É um processo de conversão constante, de discernimento sobre o que seja melhor a ser realizado, e que traga consequências realmente positivas para o bem comum.

Leia mais:
.: Como fazer com que a espiritualidade se torne parte do nosso dia?
.: Todos podem preparar o caminho do Senhor
.: Deus deseja a salvação de todos
.: Como fazer da santidade um caminho de felicidade?

Caminho de fé e oração

Para agir bem é preciso afastar de nós a arrogância e o egoísmo, porque eles ameaçam a convivência e criam privilégios. Com isso, deixamos de ser servos. A prática da humildade faz a diferença na construção de uma comunidade fraterna e humana.

Nos caminhos do Senhor, temos de evitar uma prática religiosa intimista, que tem um olhar voltado para Deus sem dar importância ao irmão com quem convivemos. É o perigo da prática vertical sem dimensão horizontal da fé, sendo ação apenas subjetiva. Desse modo, caímos facilmente na ideologia da prosperidade. Essa, hoje, é muito falada, ela implica em olhar para si mesmo sem dar conta de que os caminhos do Senhor passam pela vida de comunidade. Deus quer nosso trabalho e luta para conquistarmos os bens necessários de sobrevivência.

Equipe de colunistas do formação

comentários