reze

Oração para viver bem o tempo quaresmal

Senhor Jesus, Rei da Misericórdia, neste tempo quaresmal,
coloco-me aos pés de tua Sagrada Cruz
e, humildemente, peço-vos a graça de viver intensamente
estes 40 dias de conversão.

Concedei-me a perseverança na vida de oração
para que, estando unido ao teu amor,
minha vida seja reflexo de tua bondade.

Oração para viver bem o tempo quaresmal

Foto Ilustrativa: Sinenkiy by Getty Images

Que minhas orações não sejam somente palavras,
mas se traduzam em gestos concretos de misericórdia.

Entregue ao Senhor o seu tempo quaresmal

Ajudai-me a viver o jejum como oportunidade
de unir-me a tantos irmãos e irmãs
que não tem o necessário para sua subsistência.

Que meu jejum seja uma oportunidade
de estar mais disponível para acolher tua presença salvadora
em minha alma.

Fortalecei-me na prática da esmola.
Que minhas mãos sejam as tuas mãos
a ajudar os que mais precisam.

Iluminai meu coração para reconhecer tua face sofredora
naqueles que vivem à margem da sociedade.
Que meus olhos não se desviem daqueles que eu encontrar
à beira do caminho, mas os acolha como a Ti mesmo.

Por tuas Santas Chagas, ajudai-me a atravessar os desertos espirituais,
e que Tua Palavra seja para mim uma bússola
a indicar o caminho da vida eterna.

Lavai-me Senhor com Tua misericórdia!
Renovai-me em Teu amor!
Que vivendo este Tempo quaresmal
e unindo-me a Sua dolorosa Paixão,
eu nunca me perca do caminho da conversão.

Amém!

Leia mais:
::Faça seu Retiro Quaresmal conosco!
::Oração para os enfermos com câncer
::Oração à Sagrada Família, de São João Paulo II
::Oração de Santo Agostinho após sua conversão


Padre Flávio Sobreiro

Bacharel em Filosofia pela PUCCAMP e Teólogo pela Faculdade Católica de Pouso Alegre (MG), padre Flávio Sobreiro é pároco da Paróquia São José, em Toledo (MG), e padre da Arquidiocese de Pouso Alegre (MG). É autor de livros publicados pela Editora Canção Nova, além disso, desde 2011,  é colunista do Portal Canção Nova. Para saber mais sobre o sacerdote e acompanhar outras reflexões, acesse: @peflaviosobreirodacosta.

comentários