Elevados pela Bondade de Deus

O homem, enquanto imagem e semelhança de Deus é bom, mas ao mesmo tempo tem sua existência marcada por limitações. Desde que nascemos somos dependentes, precisamos dos nossos pais, precisamos de pessoas que nos ensinem. Depender pode ser uma condição humilhante quando não se tem consciência de que estas pequenas realidades são apenas fagulhas que nos apontam para nossa real dependência. Nós dependemos de Deus.

A condição humana nos humilha quando o forte impulso de filhos de Adão que somos grita em nós. A condição humana nos humilha quando tentamos fazer o que é bom, mas mesmo diante de todos os esforços acabamos por fazer o que é mau. A condição humana nos humilha quando nossas misérias são esfregadas em nossa ‘cara’. Quando vemos do que realmente somos capazes.


Assista também: “Somos cidadãos do céu”, com padre Fábio de Melo

Mas o homem não é só miséria, o homem é capaz de Deus, temos as fagulhas de Adão, mas fomos resgatados por Cristo, o Homem Novo que nos levanta de nossas misérias e nos ensina a caminhar. Nossa condição humana é humilhante, mas é exultante saber que ainda assim Deus quis nos elevar e continua nos elevando e dizendo que nem tudo é miséria, nem tudo é humilhação. Depender de Deus é condição essencial da existência de um cristão.

Não esqueçamos, que não obstante às humilhações, o homem foi criado à imagem e semelhança de Deus. Nossa condição humana faz frente à proposta feita pela serpente a Adão e Eva e mostra que nós, por nós mesmos, não somos “deuses”. Somos imagem e semelhança de um Deus que acima de tudo é Amor. Isso é grandioso e nos enche de responsabilidade, mas não tira o elemento humilhação, que nos ajuda a superar qualquer tipo de soberba e egoísmo por nos relembrar nossa condição falível. Nem tudo é humilhação, mas quando ela acontece nos relembra o quão simples e humildes precisamos ser no relacionamento com Deus e com as outras pessoas.

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.