consagração a nossa senhora

Transmita a fé para os seus filhos desde pequenos

Consagração a Nossa Senhora e uma história de fé

A oração me acompanha desde pequena graças à fé dos meus pais, avós, familiares, catequistas e amigos. Lembro-me de chegar na casa do meu avô, nas férias de julho, e escutar a consagração a Nossa Senhora Aparecida por meio do rádio. O silêncio tomava conta da casa e todos eram envolvidos pela graça da oração. Era um momento de fé e respeito a Santa Mãe de Deus; e logo que terminava a consagração, o ambiente era de paz, alegria, histórias e muitas risadas. Hoje, entendo que tudo isso era os frutos do Espírito Santo presentes em uma casa que reza.

O terço foi o amigo preferido do meu avô. Ele rezava mais de um terço por dia e desejava um sacerdote na família. Tinha um amor muito grande por Nossa Senhora. Com certeza, se vivo, estaria rezando o terço com a Canção Nova. Seria meu companheiro de oração.

Reze com Sônia Venâncio e suas filhas, Maria e Mariane:

Herança de família

São muitas lembranças especiais, quando presenciei muitas formas de oração na minha família, desde a fidelidade de ir à Missa aos domingos, participar de novenas, procissões, guardarem o silêncio no sábado santo, cobrir as imagens com o tecido roxo no tempo quaresmal, acender vela nos momentos de aflição, rezar o terço e cantar mãezinha do Céu.

Foi importante para mim receber essa maior herança que é a fé. A sementinha plantada no meu coração de criança cresceu e fez de mim essa mulher realizada e feliz. Sou missionária, casada há 9 anos, mãe de duas princesas, Maria e Mariane. O caminho que precisei percorrer não foi fácil. Houve desânimo, provações, perdas, dúvidas e medos, mas a oração que aprendi me sustentou, a fé que recebi me iluminou, deu-me forças e muitas vitórias. Partindo da minha história, quero colocar, no seu coração, o quanto é importante e necessário ensinar as crianças a rezarem.

Não desanime, pois o que se planta, hoje, com amor vai ser colhido amanhã. Aqui em casa, usamos a criatividade para transmitir, em vários momentos, a fé por meio de um ambiente que evangeliza na simplicidade do nosso dia. A devoção a Maria, por exemplo, vai acontecendo num cantinho de oração com imagem de Nossa Senhora, onde conversamos com a Mãe de Deus, rezamos nosso terço, colocamos flores e sempre pedimos a bênção antes de sair e quando voltamos para casa. São muitas formas de passar a espiritualidade, no entanto, o nosso exemplo é o jeito mais importante e o mais eficaz.

Nossa Senhora Aparecida, rogai por nós.

Sônia Venâncio, missionária da Comunidade Canção Nova

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.