Solidariedade

O milagre que você pode realizar

Há uma imensidão de pessoas sedentas de presenciar milagres em suas vidas

Num ciclo de 24 horas, presenciamos a repetição do amanhecer e do anoitecer. Lentamente, a escuridão, que repousava sobre a terra, rasga o véu para os primeiros raios de sol do novo dia. Pode-se ter a impressão de que esse movimento é uma eterna repetição, mas, por meio da solidariedade da noite, em ceder parte das horas do dia para sol, é que acontece o milagre do amanhecer.

Imagina-se que para que aconteçam milagres sejam necessários movimentos de nuvens em redemoinhos ou que a luz do sol escureça e um grande trovão sacuda a terra. Entretanto, quando menos se espera, em meio aos acontecimentos, surge o que mudaria suavemente a direção das coisas.

Foto ilustrativa: Wesley Almeida / cancaonova.com

É a nobreza da solidariedade que produz o milagre de um novo dia em nossa vida.

O milagre para um paralítico aconteceu quando alguns de seus amigos resolveram descê-lo, através de um buraco aberto no telhado, junto a Jesus (cf. Lucas 5, 17-20). Muitos outros poderão acontecer minimizando a fome, o frio, a discriminação social, a inimizade, guerras e perseguições, quando a virtude da solidariedade emergir em nós.

Há uma imensidão de pessoas sedentas de presenciar milagres na vida delas. Outras tantas desejam ser objeto dessa graça, de Deus; contudo, poucas desse universo estão dispostas a se solidarizarem em seus conceitos com as demais.

Leia mais:
.: Sou testemunha de um milagre de Deus pelas mãos da Mãe
.: Deus realiza um milagre na nossa vida
.: Receita de milagre

O milagre da ressurreição em nossa vida poderá acontecer quando decidirmos ceder ou reavaliar aquilo que fixamos como “meu fundamento”, “minha verdade”, “meu jeito” etc. Do contrário, a luz da alegria em nossa convivência não poderá atingir as sombras que ofuscam o brilho de nossa alma.

Qual seria o milagre desejado por aqueles que estivessem se afogando? Não seria o socorro de um salva-vidas o objeto de seu desejo? E para aqueles infelizes, que não estão presentes no mundo, mas já estão na lista dos condenados à morte ainda no ventre materno, não seria a própria vida o seu maior milagre?

O milagre que estamos necessitando, no dia de hoje, está na disposição de viver a graça do momento presente. Esse poderá depender da solidariedade que carece nas nossas convivências particulares.

Deus abençoe seu dia.


Dado Moura

Dado Moura trabalha atualmente na  Editora Canção Nova, autor de 4 livros, todos direcionados a boa vivência em nossos relacionamentos. Outros temas do autor estão disponíveis em www.meurelacionamento.net twitter: @dadomoura facebook: www.facebook.com/reflexoes

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.