Viver como filhos de Deus

Jesus Cristo revelou-nos que Deus é nosso Pai, e que somos filhos de Deus.

Somos chamados a sermos ‘cristos’. (catecismo 2782)

Assim, por Cristo ‘somos revelados a nós mesmos ao mesmo tempo que o Pai nos é revelado’. (idem 2783)

Somos filhos de Deus pela graça, pelo dom gratuito dado por Deus. É Ele que concede a graça, é Ele que é o manancial de todos os dons.

Entretanto, nossa condição de filhos de Deus ‘exige de nossa parte uma conversão contínua e uma vida nova’.(idem 2784)

‘Precisamos lembrar-nos de que devemos comportar-nos como filhos de Deus’. (idem 2784)

Para isso, São João, em sua primeira Epístola capítulo 03, dá-nos Três condições:

Primeira: ‘romper com o pecado’:

‘Nisto se revelam os filhos de Deus e os filhos do diabo: todo o que não pratica a justiça não é de Deus, nem aquele que não ama o seu irmão’ (1Jo 3,10).

Segunda: ‘observar os mandamentos, especialmente o da caridade.’

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.