O Carinho na Velhice

Quando envelhecemos, muitas vezes, nossa razão de viver são as lembranças, os exemplos de vida a passar para os filhos e netos, e a certeza de ser importante para alguém.

Por isso não devemos abandonar nunca nossos velhos, e mais ainda devemos cultivar em nossos filhos respeito e amor por seus avós.

O escutar uma história repetida inúmeras vezes; um carinho a um avô dedicado, ou pedir uma especialidade culinária da avó também são formas de demonstrar amor.

‘Este é o meu mandamento: amai-vos uns aos outros como eu amo.’(Jô 15,12)

Fonte: soucatolico

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.