O homem que se desfigura

“… não tinha aparência que agradasse, era o mais desprezado e abandonado de todos…individuo de quem a gente desvia o olhar, repelente, dele nem tomamos conhecimento…” (Is 53,2-3).

Estamos diante de uma passagem que afirma tudo aquilo que Jesus viveu, assumiu para que o homem não passa por isso. Ele de fato tomou sobre si nossos dores, foi desfigurado, para que eu não fosse desfigurado pelo pecado. Mas porque será que o homem esta passando por uma desfiguração física e espiritual? Será que o Justo que foi desfigurado na Cruz por mim e você não foi suficiente?
Cristo quis passar livremente pela desfiguração para que os filhos de Deus, que somos nós, não passassem pela mesma condição. Porém, o homem como tem desviado o olhar da sua filiação e do seu “ser imagem e semelhança de Deus”, tem entrado no processo de desfiguração (perder a imagem original, perder a aparência, a beleza) através da opção pelo pecado.

O homem se desfigura quando vive uma vida de prostituição, adultério, de drogado, de alcoólatra.
O homem se desfigura quando põe tatuagens no corpo, piercing em toda parte.
O homem se desfigura quando faz uma opção sexual longe da vontade de Deus.
O homem se desfigura quando insiste em roubar, matar.
O homem se desfigura quando apóia a cultura do aborto, da Eutanásia e a manipulação de embriões.
O homem se desfigura quando assume a violência, o terrorismo e a matança de inocentes como solução de vida.
O homem se desfigura quando vive sua vida sexual desregrada e buscando justificativa nos preservativos para continuar desvirtuando o sexo.
O homem se desfigura quando abandona a vontade de Deus para seguir toda e qualquer espécie de doutrina, mentalidade e falsa religião.
O homem se desfigura quando cai em uma profunda depressão por causa da ausência de Deus em sua vida.
O homem se desfigura quando segue as mentiras pregadas pela mídia, novelas, moda.
O homem se desfigura quando aprovam leis contra a verdade da fé, que vão contra o Cristo.
O homem se desfigura quando vive a ganância do dinheiro e afundam na corrupção.

Muitas outras coisas estão desfigurando os filhos de Deus. Por isso, é preciso fazer um retorno para o essencial, que somente pode ser encontrado no Cristo. Deus “convoca todos os homens, dispersos pelo pecado, para a unidade de sua família, a Igreja. Faz isto por meio do Filho, que enviou como Redentor e Salvador quando os tempos se cumpriram. Nele e por Ele, chama os homens a se tornarem, no Espírito Santo, seus filhos adotivos, e, portanto, herdeiros de sua vida bem-aventurada”. ( Catecismo da Igreja Católica)

www.blog.cancaonova.com/padrereinaldo

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.