A santidade de hoje

O que é a santidade? Santidade é ter a face de Cristo, as atitudes, o temperamento, os desejos d’Ele. Santidade é a presença de Jesus em nossa vida. O Senhor não deve ser apenas imitado como uma pessoa histórica. A santidade parte de Deus e só podemos ser santos n’Ele.
A sua história pessoal e tudo aquilo que Deus tem e quer fazer na sua vida é um momento único, o qual vai exigir de você obediência.

Você deseja dar a Deus a santidade da sua vida, com o seu “sim”, com uma resposta concreta de amor? Essa atitude custa vida, experiência do dia-a-dia, sacrifício e, principalmente, não se esconder atrás de uma devoção.

Uma grande dor é quando nós católicos nos escondemos atrás da santidade dos outros. Por que eu falo de dor? Porque muitos se escondem em uma devoção que não leva ninguém a lugar nenhum. Quando você visitar santuários – como o de Assis, São Giovanni Rotondo, Lisieux, entre outros – o seu desejo deve ser o de ficar com o coração cheio do Espírito Santo. No entanto, algumas situações acabam tirando a misticidade desses locais, tornando-os apenas lugares de memória, não mais de desafio de santidade de vida. E, infelizmente, muitos vão a esses lugares como turistas e não como peregrinos.

No mundo atual, no qual tudo é rodeado pelo capital e pelo dinheiro, precisamos dar um testemunho diferente e mostrar a ele que a nossa devoção nos leva à santidade e não somente a um aproveitamento financeiro da devoção.

Adorar Jesus é o fundamento da santidade. Só Jesus Cristo é santo. É a santidade d’Ele que atravessa o tempo, a história e entra na vida de cada um. É ela que faz de nós homens e mulheres santos. Sem o Senhor, ninguém é santo, ninguém é forte, ninguém é nada. Por essa razão, você tem de crer que o Senhor é capaz de fazer de você uma pessoa santa. Saia da ignorância, acredite que Deus pode mudar a sua vida e levá-lo a uma vida de santidade.

Santidade é luta pessoal, e só você pode ter a certeza interior de que a busca defendendo a verdade, que está na Igreja. Não dá para ser santo vivendo como todos vivem, aplaudindo tudo, vivendo o sistema desse mundo. Embora isso [santidade] custe vida e sacrifício, é o jeito que o Senhor deseja que vivamos. A luta é sua, a dor, as lágrimas são suas, o ardente desejo de santidade também é somente seu!

Não há santidade sem Eucaristia, sem comungar Jesus. O Santíssimo Sacramento é a fonte de toda a santidade.

Você não pode ficar na hipocrisia de uma vida falsa.

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.