Viver intensamente!!!

Você vive com pressa, correndo para dar conta de tudo? Sempre falta tempo? A noite chega e com ela as preocupações do próximo dia? Não raro surge o cansaço? Pare por um instante. Respire fundo. Silencie o seu coração. Sinta o Ruah de Deus, o sopro do Espírito Santo sobre você. Antes de continuar lendo, feche seus olhos e experimente a presença de Deus. Agradeça, louve o Senhor porque Ele está junto com você.

‘Se muitos foram os motivos que te fizeram até mesmo chorar, o Senhor enxuga toda lágrima do seu rosto e consola o seu coração’ (Is 25, 8). ‘Se muitas vezes pelo peso do cansaço você não conseguiu enxergar uma solução, não desanime, não desista de continuar lutando. O Senhor é o pastor que te conduz, não te falta coisa alguma. Ele te leva a descansar e restaura as suas forças’ (Sl 22).

Quantas vezes nos preocupamos com tantas coisas e esquecemos que ‘Deus há de prover magnificamente a todas as necessidades‘ (Fl 4, 19). Escravizamos a nós mesmos. Não aproveitamos a vida, não vivemos intensamente. Nos tornamos escravos até do relógio. Ele dita a nossa vida. Não queremos perder tempo e podemos estar desperdiçando a vida. Um exemplo disso são pessoas que morrem em acidentes por alta velocidade.

O que é realmente importante para você? Será que não super valorizamos o relativo e passageiro em detrimento do eterno? Para ilustrar melhor esta pergunta imagine se você soubesse que vai morrer dentro de poucos dias, você continuaria vivendo do mesmo jeito? Não mudaria nada?

O Senhor nos oferece a salvação gratuitamente. Ele nos chama a uma vida em abundância, plena, mas é uma opção nossa aceitar ou não. Pode ser que estejamos muito ocupados para perceber isso e continuarmos vivendo mediocremente, reclamando de tudo como se Deus tivesse nos esquecido.

Alguns pensam poder tudo pelas suas próprias forças e lembrar de Deus e da vida eterna pode ser ingenuidade e perda de tempo. Outros não assumem este pensamento, mas pela sua prática atestam o mesmo. O mais triste é que, mais cedo ou mais tarde, se deparam com sua incapacidade diante de uma determinada situação e se desesperam, perdem o sentido da vida e até entram em depressão. Se nem tudo podemos por nós mesmos, devemos nos alegrar, porque ‘Tudo posso naquele que me dá força‘ (Fl 4,13). Coloque sua confiança em Deus que tudo pode!

Outros se deparam com o cansaço. Percebem que correram tanto para não conseguirem nada. Iludiram-se pensando ganhar tempo, no entanto perderam tempo e saúde. O trabalho é importante, mas ‘É inútil levantar de madrugada, ou a noite retardar vosso repouso, para ganhar o pão sofrido do trabalho, que a seus amados Deus concede enquanto dormem” (Sl 126, 2) Não significa que Deus legitime a preguiça, mas nos chama a confiar na sua providencia. O esforço é necessário, mas sem a benção do senhor não produz frutos: ‘Se o Senhor não construir a nossa casa em vão trabalharão seus construtores‘ (Sl 126, 1).

Há também o cansaço espiritual. Apenas aceitar o convite do Senhor, estar na Igreja não nos garante a salvação. Precisamos de traje de festa (Mt 22, 12), ou seja, uma vida coerente com a nossa opção de ser cristãos católicos. A nossa vida deve testemunhar o nosso sim a Deus. Só acreditar em Deus não resolve, porque os demônios também crêem. (Tg 2, 19). Devemos ter atitudes coerentes com a nossa fé. Buscar a nossa santificação pessoal e também ajudar os outros a encontrarem o caminho da salvação. Não podemos só ficar de braços cruzados, cansados e parados. Enquanto ficamos assim outros se entregam ao ativismo nos trabalhos da Igreja e pode não estar vivendo incoerentemente sua vida pessoal. Cuidado! ‘Muitos me dirão naquele dia: Senhor, Senhor, não pregamos em vosso nome, e não expulsamos os demônios e fizemos muitos milagres? E no entanto, Eu lhes direi: nunca vos conheci‘ (Mt 7, 21). ‘Não por vontade de Deus, mas por culpa nossa “Muitos são chamados e poucos são escolhidos‘ (Mt 22, 14).

Viver intensamente não correr o tempo todo, mas saborear profundamente cada instante e alcançar a vida eterna.

Ir. Simone Miranda
Carmelita Mensageira do Espírito Santo

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.