Vinde Espírito Santo!

Sabem de onde vem nossa verdadeira alegria? Do Espírito Santo. É um dos frutos desse mesmo Espírito. Não se trata da alegria que o mundo nos oferece através de diversões, carnavais, etc. Não. Essa alegria é diferente. É a alegria de possuir um Deus amor, que nos dá paz em quaisquer circunstâncias.

Veja bem, uma coisa é você ter e outra é estar cheio desse Espírito Santo. Portanto peçamos cada dia: ‘batize-me, Senhor, no teu Espírito Santo. Vinde Espírito Santo, vinde Espírito Santo…’ Vá pedindo e tenha certeza, quem pede recebe. Você vai notar os efeitos.

Qual é a finalidade desse novo relacionamento, desse batismo no Espírito Santo? É formar a vida de Cristo em nós, por meio do seu Espírito, na vitalidade do homem interior.
Ef. 3,16-21: ‘Que ele se digne, segundo a riqueza da sua glória, armar-vos de poder por seu Espírito, para que se fortifique em vós o homem interior, que ele faça habitar Cristo em vossos corações pela fé; arraigados e fundados no amor, tereis assim a força de compreender, com todos os santos, o que é a largura, o comprimento, a altura, a profundidade… e de conhecer o amor de Cristo que sobrepuja todo conhecimento, a fim de que sejais cumulados até receberdes toda plenitude de Deus’.

Àquele que pode, por seu poder, que age em nós, fazer além, infinitamente além do que nós podemos pedir e conceber, a ele a glória na Igreja e em Jesus Cristo, por todas as gerações, nos séculos dos séculos.

Até que cheguemos todos juntos à unidade na fé e no conhecimento do Filho de Deus, ao estado de adultos, à estatura de Cristo em sua plenitude (Ef.4,13). Que maravilha, não é meus irmãos?

No evangelho de João 14,23 sabem o que diz? ‘Jesus lhe respondeu: se alguém me ama observará a minha palavra e meu Pai o amará. Nós viremos a ele e estabeleceremos nossa morada’.
Louvado seja o nosso Pai que nos ama. Somos morada de Deus!

Que alegria sabermos que a Trindade Santíssima habita em nós! Não estamos sós, mas sempre acompanhados do Pai, do Filho e do Espírito Santo! Esse Deus uno e trino fez de nós sua habitação! Aleluia ! Bendito, louvado e adorado seja esse nosso Deus de amor. Esse Espírito Santo com cujo selo fomos marcados!

Já viram como se marca o gado? Aquele ferro, com as iniciais do dono, é colocado no fogo e toma a forma da brasa. Marca-se na anca dos animais. Essas iniciais ficam para sempre. Não saem. Mesmo após abatidos e o couro curtido ali está a marca do proprietário! É assim que somos marcados pelo Espírito Santo de Deus que habita em nós pelo batismo. Aconteça o que acontecer somos pertença dele.
2 Cor. 1,21-22: ‘Aquele que nos consolida convosco em Cristo e nos dá a unção é Deus, ele que nos marcou com o seu sinete e depôs em nossos corações o penhor do Espírito’. Essa unção vem de Deus.

Somos dele. Aleluia! Glórias e louvores ao nosso Dono. Peçamos sempre: ‘Vinde Espírito Santo. Enchei os corações dos vossos fiéis e acendei neles o fogo do vosso amor. Enviai o vosso Espírito e tudo será criado e renovareis a face da terra…’
Renova, Santo Espírito, nossas famílias.

Uma das marcas distintivas do Espírito Santo é a paz. É um fruto do Espírito Santo.
Vejamos o que diz o evangelho de João 14,27: ‘Eu vos deixo a paz, eu vos dou a minha paz. Não vo-la dou como o mundo a dá. Que o vosso coração cesse de se perturbar e de temer’.

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.