Ver além das montanhas...

No momento em que Deus planejou a Canção Nova, Ele sonhou com ela do jeito que é: com seu fundador Pe. Jonas, com todos aqueles que deixaram sua casa, seus pais, seus irmãos, mas, de modo muito especial, com toda a multidão que através dela seria resgatada das trevas, salva e devolvida para Ele.

Deus, que não se deixa vencer em generosidade e bondade concedeu uma graça muito especial ao Pe. Jonas que é “enxergar além das montanhas” e confiar incansavelmente na providência divina. E enxergar além das montanhas não é algo simples, mas arriscar tudo para o projeto de Deus – e tudo é tudo!

Mas Deus, no seu sonho de amor, também já conhecia você, que através de sua doação, seja com uma moedinha ou com um grande valor, vai participar da realização do sonho, que não é do Pe. Jonas, nem meu, nem de outras pessoas, mas do Céu. E todos nós, ‘Família Canção Nova’, somos responsáveis, porque Deus nos confiou tudo isso.

Dizendo agora por minha vida e pela vida de todos nós, independentemente do que somos ou do que vivemos: Deus nunca nos dá algo pela metade. Quando Ele nos cura, nos liberta, nos concede uma graça é sempre em abundância.
E nós devemos corresponder, sendo fiéis naquilo que Jesus nos pede neste tempo forte de campanha, que é ajudarmos a Canção Nova concretamente.

Não temos o direito de negarmos este presente para Ele, que é ver toda a humanidade salva e contemplando a Sua face gloriosa.

A Canção Nova necessita urgentemente, talvez como nunca, da sua doação. É necessário fazermos este apelo, porque o tempo está passando, mas as almas salvas para Deus não podem passar. E Nosso Senhor conta com você; Ele precisa de sua ajuda porque a obra não é nossa, mas somente d’Ele e para Ele.

Muitas pessoas preocupadas com o futuro de sua família fazem seguro de vida pagando mês a mês uma certa quantia. Elas não estão erradas, mas é preciso fazer o verdadeiro seguro: o da vida eterna. E Deus nos dá meios para isso!

Veja além das montanhas e você enxergará o quanto Deus tem planejado para você e toda a sua família. Não desanime meu irmão, pois: ‘A fé é o fundamento do que se espera e a convicção das realidades que não se vêem.’ (Hb 11,1)

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.