Teresa de Lisieux: a santa de todos nós

Teresa, a santa de todos nós, nasceu a 2 de janeiro de 1873, caçula de nove irmãos, dos quais quatro faleceram na infância. Com 15 anos, entrou no Carmelo de Lisieux, onde 2 anos depois fazia a profissão como carmelita em 8 de setembro de 1890, Festa da Natividade de Nossa Senhora, recebendo o nome de Teresa do Menino Jesus e da Sagrada Face.

Sete anos mais tarde, em 30 de setembro de 1897, faleceu com 24 anos de idade. As suas últimas palavras: “ meu Deus, amo-te ! ”Foi portanto, uma vida muito breve. Na história de uma alma, compara-se com uma pequena flor colhida por Jesus, não um lilás ou uma rosa, mas uma simples margarida do campo ou uma violenta.

Foi canonizada em maio de 1925, 28 anos após sua morte por Pio XI na Basílica de São Pedro em Roma, e dois anos mais tarde foi declarada padroeira dos missionários ao lado de São Francisco Xavier.

Santa Teresinha do Menino Jesus e da Sagrada Face, rogai por nós!

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.