Sou teu

Abre o coração e permita que a luz atue. A luz é a radiação da graça, a transmissão do amor. Viver na graça é experimentar o amor. Maria cheia de graça está rodeada, mergulhada no amor. Descubra Deus, descubra o amor que te envolve por dentro e por fora. A substância do teu ser deriva do amor.

Sarem tuas feridas. Calem tuas dúvidas. Sacie tuas carências. Chega de enganos. O amor é real e verdadeiro. É uma ordem: percebe e sente, experimente e conheça o amor.

Tu pedes amor, mas na verdade já o tens na estrutura do teu próprio ser. Cabe-te deixar a realidade se manifestar. Deves descobrir, desvendar o amor em ti.

Como? Buscando, cavando. É certo que encontrarás e por tanto não há desanimo em cavar. Mesmo este labor de cavar já faz encontrar e experimentar. Já é tratar, tomar nas mãos e olhar o amor que tens.

É este todo o trabalho. Não é que esteja longe, mas à distancia de um abraço entre pessoas próximas, bem próximas. Abrace o amor e fique assim. Já tens o que me pedes. Antes de pedir já te havia dado. Sou teu.

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.