Salvos por Amor!

Em toda a criação existe um traço de Deus. Em cada elemento da natureza, em tudo o que foi criado e que está ao alcance de nossos olhos existe a mão de Deus! Tudo o que Deus fez é perfeito e bom, e nos mostra a grandeza e a majestade desse Deus Supremo.

Em cada detalhe, desde um magnífico nascer do sol até o luar que enfeita a noite, em tudo isso percebemos que nosso Deus, é um Deus criativo e detalhista. E como todo artista, Ele deixou para o fim de sua Obra a melhor parte: a criação do Homem. E foi nele que Deus colocou aquilo que Ele tinha de melhor: a Sua própria semelhança!

Apesar de tanto cuidado e zelo da parte de Deus, o homem não quis viver na plenitude que o próprio Deus lhe havia lhe preparado, e assim o homem peca e se afasta de Deus. Deus se entristece ao ver que não haveria mais salvação para o homem, pois fora o próprio homem que escolhera viver por si só e independente de Deus.
Satanás ganha força diante de Deus, em sua acusação contra o homem, pois alega: ‘Como este homem criado à Sua imagem e semelhança pode ter salvação se foi ele mesmo quem optou em viver longe de Ti? O homem não quer nada daquilo que Tu criaste para ele’.

Mas Deus, rico em misericórdia e amor, não mediu esforços para buscar uma forma de reaproximar o homem de Si, pois via que, apesar do homem ter feito a opção de não servir a Deus por liberdade, vivia as conseqüências dolorosas deste pecado. Deus quis devolver a vida ao homem por amor. E um amor gratuito.

E foi assim que o Pai enviou Seu Filho Único, Jesus Cristo, para viver junto dos homens. E vivendo assim na plenitude sua humanidade, Jesus mostrou com Sua vida que, não só para ele, mas também para todos os homens, era possível viver a plenitude da vida que Deus sonhou para toda a humanidade. E foi desta forma que Jesus resgatou nossa dignidade de Filhos de Deus e nos deu a vitória sobre todo o pecado. E é por isso que hoje podemos nos declarar vencedores sobre toda a morte, pois Cristo já venceu todas as coisas por nós!

E por isso tudo que Deus constituiu, Jesus como Senhor de todas as coisas, Lhe deu autoridade sobre tudo e sobre todos e ainda colocou o nome de Jesus acima de todo nome.

E é assim, que Deus nos recebe hoje! Ele não olha para nossos pecados, e nos aceita assim como somos, independentemente de nossas misérias interiores. E, assim como um dia Jesus se fez como um de nós, agora é momento de nós nos fazermos como Ele. É chegada a hora de nos transformarmos em Jesus.

É preciso que amados por Ele, passemos a amar; servidos por Ele, passemos a servir; abraçados por Ele, passemos a abraçar e a acolher o nosso irmão; e que ressuscitados por Sua morte, passemos a morrer a cada dia para o pecado e a viver a vida plena, cheia de alegria que o próprio Deus um dia sonhou para nós!

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.