Paula Guimarães do Deus Proverá fala da Rádio

Olá! Eu sou a Ana Paula Guimarães, trabalho hoje na TV Canção Nova, e me sinto como que no dever de, neste dia, partilhar com você, que faz parte da nossa família, a alegria que estamos vivendo pela inauguração das novas instalações da Rádio Canção Nova, em Cachoeira Paulista.

Na manhã de ontem, ao ouvir na Rádio, o Eto, nosso administrador, falar da história desta Rádio do Senhor e da importância que ela é hoje para a Igreja na evangelização, só consegui louvar e agradecer a Deus por permitir que eu fizesse parte desta história. Em toda a existência da Canção Nova, Deus nos chama a tomar posse daquilo que ele nos dá mesmo que as condições pareçam impossíveis de assumir, e no final, quando obedecemos, o Senhor realiza maravilhas na nossa obediência.

E foi assim que aconteceu comigo. Entrei para trabalhar na Fundação João Paulo II no ano de 95. Me lembro como se fosse hoje. Comecei como voluntária cadastrando novos sócios para obra. Depois fui contratada como funcionária para trabalhar no Davi (Departamento de Áudiovisuais). Lá, eu fiquei um ano mas sentia que Deus queria me levar para outro lugar na Fundação, e me lembro que o Senhor me pedia para esperar em silêncio que, ele mesmo, no tempo certo, me mudaria de setor.

Foi o que fiz, esperei. Num belo dia o Osvaldo Luiz, que hoje é meu editor chefe no Jornalismo, convidou-me para gravar algumas vinhetas para a rádio. Aí começou a minha paixão pela comunicação. Nunca havia trabalhado em meio de comunicação nenhum, não tinha experiência, mas mesmo assim Deus foi fazendo, como sempre faz nesta obra, foi pedindo o meu sim, e sempre que surgia algo que parecia impossível de assumir, ele me falava ao coração: Ana Paula eu quero somente o seu sim, o resto eu farei.

Comecei na rádio atendendo os telefones no estúdio, para ajudar os técnicos que não conseguiam dar conta do número de ligações que a cada dia aumentava.
Um dia faltou a produtora e comecei a fazer produção. Um outro dia faltou o locutor. Lá fui eu para o microfone da rádio. Me lembro que foi terrível, chamei a música errada trêz vezes, errei o português, quase morri do coração, parecia impossível, mas lá estava a vozinha no coração: Ana Paula eu quero somente seu sim, o resto eu farei.

Até que, no final das contas, acabei fazendo um curso de locução. A direção da Rádio colocou-me como locutora entre os anos 96 e 97 fazendo acontecer o programa ‘Manhã Viva’, que hoje acontece na TV, mas que começou na rádio. O programa ia ao ar todos os dias das 9h às 11h da manhã, e foi uma experiência maravilhosa poder, muito mais do que contribuir com a evangelização, perceber que Deus me evangelizava naquele trabalho. Naquele ano, minha vida deu uma ‘guinada’. Tomei coragem e dei o meu sim a Deus na vocação Canção Nova, e só deixei a rádio para fazer o noviciado da comunidade, em Queluz, no ano de 98.

Hoje, estou no meu quarto ano de compromisso na comunidade Canção Nova, trabalho no Departamento de Jornalismo, me casei, estou grávida preste a dar à luz neste dias. Significa que Deus revolucionou a minha vida. E o que ele me pediu? Simplesmente o meu sim, o resto ele fez!

Conto para vocês que o novo prédio da Rádio não está totalmente pronto e, o que mais me chama a atenção, neste dia, é que o Senhor continua realizando a sua obra em nós da mesma forma que realizou no início de tudo.

Naquele tempo, Pe. Jonas acreditou que mesmo sem dinheiro nenhum era preciso obedecer o Senhor e adquirir a Rádio. Hoje vejo meus irmãos de comunidade e amigos de trabalho assumindo o prédio em meio a barulhos de pregos e madeiras sendo colocadas.

Hoje a Canção Nova não é somente mais uma rádio, mas a Rádio do Senhor, a rede Canção Nova de rádio, com 8 emissoras AM e uma FM que podem ser sintonizadas em todo o mundo pela internet, pelas parabólicas ou pelas ondas curtas, médias e tropicais. E quantas pessoas, que como eu, neste dia, se alegram por este presente de Deus.

Rádio Canção Nova: o que Deus quer de nós é somente o nosso sim, o resto ele faz!!!

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.