Os Anjos Decaídos

Os demônios são aqueles anjos que desobedeceram a Deus e foram condenados eternamente ao inferno. Conhecemos sua existência porque a ensina a Sagrada Escritura e a Tradição. Jesus Cristo disse: ‘Eu vi Satanás cair do Céu como um raio’ (São Lucas 10, 18).

‘O Diabo é homicida desde o princípio e não se manteve na verdade, porque a verdade não estava nele’ (São João 8, 44). É um dogma de fé definido pela Igreja Católica a existência dos demônios. ‘O Diabo e demais demônios, por Deus certamente foram criados bons por natureza; mas eles, por si mesmos, se fizeram maus’ (Concílio IV de Latrão).

‘O Diabo e demais demônios, por Deus certamente foram criados bons por natureza; mas eles, por si mesmos, se fizeram maus’ (Concílio IV de Latrão).

O chefe dos demônios é Lúcifer ou Satanás. Recebe, contudo, outros nomes: luzbel, belzebu, belial, o maligno, príncipe deste mundo. É comparado a um leão, a um dragão e a uma serpente.

A palavra diabo deriva do grego e significa ‘instigador’; o que causa a destruição e a divisão; o murmurador, o enganador.A palavra satanás vem do hebraico, significa ‘adversário’.

Não sabemos o número de demônios, mas são muitos. No Novo Testamento aparece um endemoniado que disse a Jesus Cristo ‘meu nome é Legião, pois somos muitos’ (São Marcos 5, 9).

O demônio tem poder sobre os humanos porque seu conhecimento e sua influência é superior ao destes. O demônio não tem, no entanto, poder diretamente sobre nossa inteligência porque não conhece nossos pensamentos íntimos; tampouco sobre nossa vontade pois nunca pode obrigar-nos a pecar.

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.