O livro que gera vida

Que a Bíblia é o livro mais vendido no mundo, é verdade. Quem sabe, o mais lido. Será também o mais vivido? Talvez. Se, nesse exato momento, querido (a) leitor (a) , em que você me escuta – sim, lê-se com os olhos e se escuta com o coração -, todo o mundo começasse um sincero esforço de viver a palavra de Deus, o mundo novo deve começar por você, em sua casa e em sua comunidade.

Você pode ser diferente: mais feliz e melhor. É preciso escutar a palavra de Deus. E, depois, anunciá-la, testemunhando-a, como o fez a primeira comunidade de Jerusalém, conforme temos lido no livro dos Atos dos Apóstolos. Este é o convite do Santo Padre em sua carta “Novo Millennio Ineunte”; “não há dúvida que este primado da santidade e da oração só é concebível a partir de uma renovada escuta da palavra de Deus“.

Esta escuta deve se tornar “um encontro vital”, “que interpela, orienta, plasma a existência” (n. 39). Se todos os grupos e comunidades, em nossa Igreja Particular, seguirem as orientações da Igreja do Brasil e nesse próximos dois anos se dedicarem a meditar e a rever sua vida, na linha do projeto Ser Igreja no Novo Milênio, á luz da palavra de Deus, haveremos de nos tornar sempre mais uma Igreja viva e missionária.

Assim seja,

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.