O amante da Bíblia

O Santo de hoje (22/03), São José Oriol, tornou-se um santo Sacerdote não por que fez coisas extraordinárias, mas sim viveu o ordinário de modo extraordinário. Nasceu em Barcelona em 1650 de uma família muito pobre.

José sofreu muito com a pobreza e pelo fato de ser órfão de pai; no seu coração desde cedo sentiu o chamado ao Sacerdócio que somente com muitas lutas e graça da Providência, conseguiu co-responder, pois padre se tornou com 26 anos. Amante da Bíblia estudou as línguas originárias – hebraico e grego – para assim evangelizar os judeu.

São José Oriol era um sacerdote simples, caridoso e pobre, porém de grande eficácia evangelizadora, tanto assim que cuidou de sua mãe e também das almas de todos os que o Senhor foi colocando na vida. Ao fazer uma romaria penitencial para a Cidade Eterna, recebeu um ministério do papa de grande importância, mas mesmo assim não deixou de catequizar crianças, visitar doentes e socorrer pobres.

José queria ser missionário no Japão, porém uma doença ajudou-lhe a discernir sua missão em Barcelona que durou até entrar no céu em 1702.

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.