Nada foi coincidência, mas tudo Providência

São Virgílio nasceu no ano 700 na Irlanda, onde abraçou com sua juventude e ardor a vida monástica e sacerdotal.

São Virgílio chegou a abade de um mosteiro Irlandês, até que foi convidado pelo rei franco Pepino para estabelecer em sua região um centro cultural, já que Virgílio, além de aprofundado nas ciências Bíblicas e Teológicas, possuía grande bagagem de conhecimentos. Ao discernir a vontade de Deus São Virgílio tornou-se abade no reino franco, e mais tarde Bispo de Salzburgo, onde como pastor e mestre fez de tudo para conduzir o Rebanho ao Bom e Belo Pastor.

Vemos que na vida deste Santo nada foi coincidência, mas tudo Providência, pois de um interesse político do rei Pepino – que vizava apenas a pacificação do povo – Deus tirou a salvação para uma multidão através do Santo apostolado de Virgílio.

Reconhecido pelos seus dotes de mente e coração São Virgílio fundou muitos faróis de evangelização, ou seja, vários mosteiros além de construir o primeiro catálogo e crônica dos mosteiros beneditinos e ajudou na cristianização de outras regiões, isto tudo até entrar no Céu em 784 onde continua glorificando a Deus e ajudando na evangelização pela sua intercessão.

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.