Meu testemunho de fé

Sou natural da cidade de Bezerros, interior de Pernambuco. Quando eu nasci, fui rejeitado pela minha mãe, que ainda no berçário da maternidade tentou me asfixiar. Levando-me para casa, me deixou um mês sem ser amamentado, me colocando em cima de um formigueiro e até em uma linha de trem. As vizinhas, presenciando as maldades que ela cometia comigo, resolveram intervir, pedindo a ela a minha guarda. Ela, sem hesitar, me entregou nas mãos daquelas bondosas vizinhas que, imediatamente, começaram a procurar alguém que pudesse me adotar, visto que elas não tinham condições de ficar comigo.

Partiram então para Gravatá, uma cidade vizinha. Lá, encontraram uma mulher simples, de coração muito bom, que se chamava Heloísa, porém todos do bairro a conheciam como Dona Neta, a catequista. Mesmo não tendo condições de ficar comigo, teve a docilidade de coração, de perceber que Deus estava me enviado a ela, e que ela não poderia recusar esta missão.

Paralelo a este acontecimento, meu tio adotivo estava dormido e não sabia ainda deste fato ocorrido na casa da sua irmã. Em sonho, ele se viu andando em uma estrada pequenina, de areias brancas, em meio a um vasto prado verde. Ao olhar adiante viu uma mulher que se aproximava apressadamente com uma criança no colo.

Tomado de curiosidade diante daquela mulher que se aproximava, perguntou a ela: “Para onde vai com está criança no colo?” A mulher, muito serenamente, respondeu: “Vou levá-la para uma pessoa muito especial, que vai cuidar dela para mim, pois esta criança me pertence e, eu estarei sempre com ela onde quer que ela vá. Ela é consagrada a mim!”

A partir daquele momento meu tio acordou e ficou inquieto. Algo dentro dele dizia que ele deveria ir à casa da sua irmã, a catequista. Ele não pensou duas vezes e, imediatamente se dirigiu para lá. Ao chegar, teve a grande surpresa de se deparar com aquela criança, que era exatamente a criança que tinha visto em sonho, nos braços daquela bela mulher. Muito emocionado, contou o sonho que tivera para minha mãe que, na mesma hora, entendeu que aquela mulher se tratava de Nossa Senhora, e que eu era um enviado de Maria para a sua vida.

Eu sou extremamente feliz por ser filho desta Mãe tão querida! Assim como ela cuidou de mim, ela também quer cuidar de você, do seu coração, das suas necessidades. Maria quer conduzir os seus passos, hoje e sempre.
Creia nisto!

Deus abençoe você!

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.