Gratidão: Como viver este valor?

Dizem que de todos os sentimentos humanos, a gratidão é o mais efêmero de todos. E não deixa de haver algo de certo nisso. O saber agradecer é um valor em que pouco se pensa.

Para alguns é muito fácil agradecer pelos pequenos serviços cotidianos que recebemos: o café da manhã, a roupa limpa…Mas nem sempre é assim.

Ser agradecido é mais que saber pronunciar umas palavras de forma mecânica, a gratidão é aquela atitude que nasce do coração em apreço ao que alguém tem feito por nós.

A gratidão não significa “devolver o favor”: se alguém me serve uma xícara de café não significa que depois devo servir a mesma pessoa uma xícara e permanecer iguais… O agradecimento não é pagar uma dívida, é reconhecer a generosidade alheia.

A pessoa agradecida busca ter outras atenções com as pessoas, não pensando em “pagar” pelo benefício recebido, se não em devolver a mostra de afeto ou cuidado que recebeu. Já pensou como as crianças agradecem os favores de seus pais? Fazem com um sorriso, um abraço e um beijo. De que outra maneira poderiam agradecer? E com isso já basta aos pais.

As mostras de afeto são uma forma visível de agradecimento; a gratidão nasce pela atitude que teve a pessoa mas que pelo bem (o benefício) recebido.

Conhecemos pessoas a quem temos especial estima, preferência ou carinho por “tudo” o que nos tem dado: pais, professores, cônjuges, amigos… O motivo do nosso agradecimento deve-se ao “desinteresse” que tiveram apesar do cansaço e da rotina. Nos deram seu tempo ou seu cuidado.

Nem sempre contamos com a presença de alguém conhecido para sair de um apuro, resolver um percalço ou um pequeno acidente.

Ao agradecermos à alguém que abre a porta do automóvel para colocar as sacolas que levamos, ou ao ajudar a trocar o pneu.

O caminho para viver o valor da gratidão tem algumas notas características que implicam:

-Reconhecer nos demais o esforço para servir,
-Acostumar em agradecer,
-Ser atento nos pequenos detalhes com as pessoas.

A pessoa que mais serve é a que mais sabe ser agradecida.

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.